Vitória-BA vence Altos-PI e se classifica na Copa do Nordeste (Foto: Divulgação/Pietro Carpi/EC Vitória)

Neste sábado (17), Vitória-BA e Altos-PI entraram em campo pelas quartas de final da Copa do Nordeste 2021. Assim, no Barradão, as equipes fizeram uma partida equilibrada com bolas na trave e gols marcados. Logo, com um tento nos minutos finais, o Leão da Barra garantiu classificação as semifinais ao vencer por 2 x 1, de virada. Dessa forma, as mexidas no placar foram feitas por Lucas Campos, para o Verdão Altino. Enquanto que Samuel e Eduardo marcaram para o Rubro-Negro.

Assista aos melhores momentos de Vitória-BA x Altos-PI

1º tempo: Tensão, gols e igualdade inicial

Inicialmente, como a partida tinha o caráter eliminatório, Vitória-BA e Altos-PI se fecharam na defesa e esperaram o adversário tomar a iniciativa de jogo. Dessa forma, tiveram dificuldades para sair jogando. No entanto, aos 10′, o Verdão Altino quase abriu o placar com Tiaguinho. Isso porque, ele cobrou escanteio na segunda trave, Dos Santos desviou, a bola subiu demais, mas caiu no travessão de Ronaldo. Em seguida, o Leão da Barra deu o troco, aos 21′. Assim, David recebeu na esquerda e fez cruzamento para Samuel completar de cabeça e abrir o placar no Barradão.

No entanto, a vantagem inicial do Vitória-BA durou poucos minutos, Pois quatro minutos depois, Tiaguinho cobrou falta no canto, Ronaldo espalmou para frente, e Lucas Campos completou para o gol vazio, deixando tudo igual na partida. Dessa forma, com a igualdade, o jogo ganhou clima de lá e cá, com as equipes se alternando em busca do gol de desempate. Já na reta final, aos 36′, Ruan Nascimento chegou à linha de fundo e cruzou para Samuel. na sequência, a bola foi nas costas do atacante, que resolveu problema dominando bonito e emendando uma bicicleta. Assim, a redonda foi no centro do gol para defesa de Mondragon.

2º tempo: Gol nos minutos finais para garantir classificação

Na volta do intervalo, dono da casa, o Vitória-BA tomou a iniciativa natural da etapa final e fez a partida ganhar intensidade desde o princípio. Assim, aos 4′, Alisson Farias descolou ótimo lançamento para Pedrinho, que invadiu a área, bateu de perna esquerda e tirou tinta da trave. Em seguida, em nova oportunidade, David arrancou pela esquerda e rolou na entrada da área para Alisson Farias dominar e bater na trave. No lance, Mondragon ficou parado e só olhou a passagem da bola.

Em seguida, o Altos-PI respondeu aos 18′. Assim, da intermediária, Tiaguinho cobrou falta no cantinho, e Ronaldo espalmou bem para escanteio. Após, a partida perdeu em intensidade e caiu em um ritmo lento até a reta final do confronto. Já aos 31′, o Vitória-BA ficou pedindo pênalti em lance de escanteio, mas o árbitro nada marcou. Por fim, quando o duelo se encaminhava para os pênaltis, surgiu a estrela de Eduardo, aos 44′. Isso porque, Ygor Catatau encontrou Soares na área, que rolou de primeira para o meia bater de perna esquerda no ângulo de Mondragon e garantir a vitória e a classificação baiana as semifinais.

Vitória-BA x Altos-PI – E agora?

Dessa forma, com o resultado, o Vitória-BA conquistou classificação as semifinais da Copa do Nordeste. Dessa forma, o Leão da Barra aguarda o vencedor de Ceará x Sampaio Corrêa para conhecer seu adversário. Já o Altos-PI encerrou sua melhor participação na competição regional com a vaga nas quartas de final.

Foto Destaque: Divulgação/Pietro Carpi/EC Vitória

Ricardo do Amaral
"Alvíssaras! Sou Ricardo Accioly Filho, pernambucano de 27 anos, advogado e estudante de jornalismo pela Uninassau. Tenho como mote que “no futebol, nunca serão apenas 11 contra 11”; é arte, é espetáculo, humanismo, tem poder de mover multidões e permitir ascensões sociais. Como paixão nacional do brasileiro, o futebol me acompanha desde cedo, entretanto como nunca tive habilidade para praticá-lo, busquei associar duas vertentes de minha vida: o prazer pela leitura e o esporte bretão. Foi nesse diapasão que encontrei no jornalismo esportivo o elo de ligação que me leva a difundir e informar o que, nas palavras de Steven Spielberg, é o “mais belo espetáculo de imagens que já vi”."