no

Em suma, no julgamento do trio Abel Ferreira, o auxiliar João Martins e o meia Patrick de Paula, o Palmeiras saiu vencedor. Decerto, nesta tarde de quarta-feira (15), o tribunal liberou os funcionários do Verdão para a próxima partida, contra a Chapecoense, no sábado (18).

Portanto, os três foram expulsos na 16ª rodada do Campeonato Brasileiro, no jogo contra o Atlético-MG. Na partida, o time perdeu para o Galo, por 2 x 0. Decerto, na ocasião, Patrick levou dois amarelos ainda no primeiro tempo. A dupla portuguesa na beira do campo, foi ejetada por conta das reclamações. Os três poderiam tomar até seis jogos de suspensão, pelo tom crítico sobre as decisões do árbitro. De acordo com o tribunal, tanto Patrick, quanto Abel e João se enquadraram no contexto de “assumir qualquer conduta contrária à disciplina ou à ética desportiva”.

Por terem cumprido a suspensão automática na rodada seguinte, todos estão livres para a partida de sábado. Patrick de Paula, inclusive, treina no time titular do Verdão nesta semana e deverá começar jogando. O Palmeiras está em 2º lugar na competição, sete pontos atrás do líder, Atlético-MG. O duelo entre os times vai além do campeonato nacional, já que ambos irão disputar a semifinal da Copa Libertadores, na próxima terça-feira (22).

Foto destaque: Reprodução/Palmeiras

Robert Ferreira
Sou o Robert! Fiz jornalismo para vivenciar histórias, estar dentro dos fatos e o principal, ter acesso a verdade, sempre! O esporte sempre esteve na minha vida, e unir a escrita com o futebol seria é o ideal de vida. Escrevi para redação do jornal universitário além de atuar fortemente nas redes sociais com posicionamentos sobre cultura negra. Sujeito calmo com o objetivo de ganhar o mundo!