Torcida organizada invade CT do Botafogo

Antes de mais nada, está bem claro que o Botafogo não vive uma boa fase com a sua torcida. Já que o clube não vence no Brasileirão a cinco jogos (entre eles, quatro derrotas). E nesta quarta-feira (15), véspera da partida contra o São Paulo, a torcida organizada do Botafogo Fúria Jovem invadiu o Espaço Lonier (local que o clube utiliza para treinar o elenco profissional). Em suma, o objetivo da torcida era protestar contra o momento do Botafogo. Além disso, os torcedores queriam fazer cobranças direto para os jogadores, comissão técnica e diretoria.

Vale lembrar que o treino da equipe carioca está marcada para a parte da tarde desta quarta-feira (15). Contudo, os torcedores encontraram jogadores que estavam fazendo tratamento no DM. Entre os jogadores, estavam Victor Sá, Diego Gonçalves, Del Piage, Kayque e Lucas Fernandes. Para por fim ao protesto, o Botafogo acionou a Polícia Militar, que conseguiu coibir a ação dos torcedores de forma pacifica. Contudo, os jogadores que encontraram estes torcedores se assustaram.

Em suma, o Botafogo vive sua 1ª crise desde que John Textor se tornou acionista do clube. Assim, são quatro derrotas seguidas, incluindo uma goleada por 4 x 0 para o Palmeiras em São Paulo. O clube atualmente está na zona de rebaixamento com 12 pontos. Assim, ocupa a 17ª posição.

Comprometimento vira pauta no Botafogo

Mais cedo, o Blog do Ancelmo Gois noticiou que há dúvidas internas sobre o compromisso de alguns jogadores com o clube. Assim, a nota assinada pelo jornalista Nelson Lima Neto, diz que “há entendimento de falta de empenho e dedicação de alguns jogadores nos treinos realizados no Espaço Lonier”.

Além disso, a nota relata falta de compromisso em atividades complementares, como exercícios em academias. E estes fatos vem incomodando o treinador Luis Castro, que leva em consideração o empenho dos jogadores para escalar o time. Por fim, não foram citados nomes de qualquer jogador.

Foto destaque: Reprodução/Twitter/Fúria Jovem

João Victor Freire
Jornalista em formação pela Universidade Veiga de Almeida (RJ). Apaixonado pela profissão e por esportes, principalmente Automobilismo e Futebol. Porém, não dispenso nenhum esporte sequer. No que precisar de mim, eu estarei lá.

Deixe um comentário