Gabriel Neves (Foto: Erico Leonan/São Paulo)

No domingo (12), o São Paulo terá uma novidade para enfrentar o Fluminense. Afinal, Gabriel foi relacionado pela primeira vez por Hernán Crespo. Contudo, o volante não deve ser titular neste confronto. Além disso, o time também vai ter desfalques importantes.

A princípio, Luan é o titular absoluto da posição. Dessa forma, Gabriel precisará conquistar seu espaço. Inclusive, o uruguaio pode atuar como segundo volante. Assim, pode haver uma competitividade entre ele e Liziero. Mas, para o duelo contra o Fluminense, os dois atletas made in Cotia devem começar jogando.

Por outro lado, o torcedor tricolor deverá sentir a falta de outro jogador importante: Arboleda. O equatoriano ainda não está 100% fisicamente. Portanto, deve retornar somente diante do Fortaleza, pela Copa do Brasil. Outro que não jogará é o argentino Jonathan Calleri. Afinal, o atacante ainda não tem condições de jogar. Assim, a torcida deverá aguardar mais uma semana para a possível estreia do camisa 30.

Nesta sexta-feira (10), Miranda se reapresentou no CT da Barra Funda após defender a Seleção Brasileira. Aliás, o zagueiro ficou apenas no banco de reservas. Então, como está descansado, deve ser a outra novidade do São Paulo. Por outro lado, Dani Alves faltou ao treinamento e não faz mais parte do time.

Para almejar melhores posições no campeonato, o Tricolor Paulista precisa vencer este jogo. Afinal, neste momento, o time está em 15° colocado. Enquanto isso, o Flu é um adversário direto, já que os cariocas estão com três pontos a mais. São Paulo e Fluminense se enfrentam neste domingo (12), às 20h30 (horário de Brasília), no Maracanã, pela 19ª rodada do Campeonato Brasileiro.

Foto Destaque: Divulgação/Érico Leonan/São Paulo

Isaac Rufino
Tenho 19 anos e sou estudante de Jornalismo pela FMU, em São Paulo. Sou apaixonado por Jornalismo e todas as suas áreas, porém a minha preferência sempre foi na área esportiva. Meu primeiro objetivo é ganhar experiência na área, buscar conhecimento e aprender com os melhores, por isso estou aqui. Entretanto, ao falar sobre objetivos futuros, tenho certeza de que a minha maior meta é fazer a cobertura de uma Copa do Mundo. Me considero um cara exigente, obstinado e não me contento em ser apenas mais um. Estou aqui para mostrar a minha capacidade e galgar degraus dentro do Jornalismo.

Deixe um comentário