Sánchez Libertadores (Instagram/Sánchez)

O Santos divulgou na noite desta sexta-feira (2), que Carlos Sánchez foi diagnosticado com rompimento do ligamento cruzado anterior do joelho esquerdo. Portanto, a lesão será a causa do desfalque do meia por tempo indeterminado, mas deve perder o restante da temporada. Consequentemente, o Peixe não passou um prazo para  a recuperação do atleta. Com isso, a contusão foi diagnosticada através de ressonância magnética.

O uruguaio sentiu a dor durante o jogo contra o Olimpia, válido pela Libertadores 2020. Ademais, o alvinegro ganhou por 3 x 2, no Paraguai.  O meia foi substituído no 2º tempo, aos 11 minutos, por Alison, pois já havia sentido a dor. Contudo, saiu como o melhor em campo da partida, troféu dado pela Conmebol.

Com isso, Cuca não contará com o meia por boa parte dos jogos. Desse jeito, o jogo contra o Goiás, no domingo (4), às 18h15 (horário de Brasília).

O capitão e um dos líderes do elenco participou de 28 jogos e marcou dois gols em 2020. No entanto, o camisa 7 estava próximo de se tornar o maior artilheiro gringo do Santos, com 25 bolas na rede. Assim, atrás apenas de Copete, que tem 26. Desse jeito, a espera por parte da torcida, que possui muita identificação com o jogador, e do próprio Sánchez, eram grandes para que ele se tornasse o novo.

Enfim, a lesão atrasou o uruguaio a se tornar o maior artilheiro da equipe, porém a torcida dedica toda a esperança na reabilitação dele, exigindo a renovação do contrato, que vai até julho de 2021.

E AGORA?

 Opções para por no lugar do uruguaio são: Ivonei, Lucas Lourenço, Anderson Ceará e Jean Mota. No entanto, há os atacantes Arthur Gomes e Tailson, que já atuaram no meio este ano.

https://twitter.com/vinii_sfc/status/1312398034291036160

A vitória do Santos foi comentada pelo Futebol na Veia, no Youtube:

Foto Destaque: Divulgação/Instagram/Sánchez

Gabriel Yudi Gati Isii
Sou aluno de Jornalismo da PUC-SP (3/8). Sou um grande fã de futebol e do Pelé. Meus sonhos são cobrir uma Copa do Mundo em loco e dar um espelho para que pessoas iguais a mim, asiáticos, tenham alguém para se inspirar.

Artigos Relacionados