Roberto de Andrade

Antes de mais nada, o Corinthians está monitorando a situação do atacante Roger Guedes. Portanto, Roberto de Andrade, diretor de futebol do Timão, falou sobre o andamento da negociação com o jogador, em entrevista pela Rádio Bandeirantes, na última terça-feira (27).

“Não existe nada com o Roger Guedes, já falei várias vezes. O Corinthians quer o Roger Guedes? Sim, o Corinthians quer o Roger Guedes. Qual é a situação hoje? Nenhuma situação diferente do que sempre foi: ele tem vínculo com o time chinês, que, até então, não quer liberá-lo. Está muito difícil a liberação. Nós nem conversamos com ele, não tem nada acertado, absolutamente nada acertado, a verdade é essa”, disse Roberto de Andrade.

Logo depois, afirmou que não tem nada definido pelo atacante.

“Não existe avançar. Eu não entendo o que é, ou está rescindido ou não está. Enquanto ele tiver vínculo, não existe avanço, não tem a situação, por várias negociações que já fizemos com clubes chineses, a gente sabe como funciona, a dificuldade que o chinês impõe para liberar jogador, independente de situação, se está cobrando, se está devendo, cada um tem uma situação e eu não sei qual é a dele. O que importa e que até hoje a rescisão não saiu”, negou.

ROGER GUEDES NO CORINTHIANS?

Por fim, o diretor falou que apenas falou para o atleta conversar com o Alvinegro, após quebrar o contrato com o Shandoung Luneneg.

“Nenhuma informação (sobre a situação do jogador), o único contato que fizemos com o procurador dele foi: ‘quando você rescindir, aí vem conversar conosco', não adiantar conversar hoje”, completou.

Em síntese, de acordo com o GE, o atacante não está mais na lista de cinco estrangeiros da equipe chinesa, pois foi contratado o zagueiro Jadson, que atuava na Wuhan Three Towns, da China. Dessa forma, vai ser igual na negociação com meia Renato Augusto, que esperava a rescisão de vínculo com o Beijing Guoan.

Foto destaque: Divulgação/Rodrigo Coca/Ag. Corinthians

Juan Camilo
Meu nome é Juan Pablo, tenho 19 anos e estudo Jornalismo na Universidade Anhembi Morumbi (UAM). O jornalismo é um privilégio de estar nessa área incrível. Amo futebol, basquete, jogos antigos. Meu objetivo é conseguir ser um dos melhores jornalistas e ser correspondente esportivo.
https://linktr.ee/juanpablocamilo