Renato, o elegante guerreiro, completa 41 anos

Hoje (15), a coluna Parabéns ao Craque parabeniza Renato Dirnei Florêncio, mais conhecido como Renato ou Renatinho. O jogador atuava tanto de primeiro volante, como de segundo volante. Entretanto, sua principal habilidade não era a marcação, e sim a classe. O cria do Brinco de Ouro da Princesa fez história, apresentou seu bom futebol para todo Brasil e para o mundo.

QUEM FOI RENATO?

Primeiramente, Renato sempre foi um jogador muito disciplinado, principalmente dentro das quatro linhas. Em 2000, já foi contratado pelo Santos, portanto fez parte da primeira geração dos Meninos da Vila. Nas duas passagens pela Vila Belmiro, Renatinho foi muito bem, venceu títulos e se tornou ídolo da torcida. Mas, infelizmente, suas passagens tiveram fim. A primeira saída ocorreu em 2004, quando rumou para o Sevilla, e na segunda, se aposentou.

https://www.instagram.com/p/B–WYnDB6Ac/?utm_source=ig_web_copy_link

O jogador chegou à Espanha como jogador de Seleção Brasileira, portanto existia uma expectativa sobre seu futebol. Sua passagem foi longa e positiva, durando de 2004 até 2011. Venceu títulos importantes, como Copa da Uefa, Copa do Rei, Supercopa da Europa e Supercopa da Espanha. Renatinho não era artilheiro, mas marcou gols contra Barcelona e Real Madrid. Um destaque para o confronto contra a equipe merengue, no Santiago Bernabéu, em que o brasileiro fez dois gols na final do duelo entre campeões do futebol espanhol.

Renato retornou ao Brasil em 2011, após uma excelente passagem pela Espanha. O destino não foi o Alvinegro Praiano, mas sim o alvinegro carioca. O Botafogo seria apenas o terceiro clube da carreira do atleta, em mais de 10 anos de futebol. Sua trajetória no Fogão durou até 2014, onde teve bons momentos e venceu o Campeonato Carioca, mas estava na hora de voltar para casa. Com diz o ditado, “o bom filho, a casa torna”, após uma década, Renatinho estava de volta ao Santos.

ÚLTIMOS MOMENTOS

Nada mais justo do que terminar sua trajetória onde tudo começou a dar certo. Renato jogou de 2014 a 2018. Na sua segunda passagem, o time não era o mesmo, mas venceu dois Campeonatos Paulista. O jogo de despedida foi no dia 24 de novembro de 2018, na Vila Belmiro, em um confronto difícil contra o Atlético-MG, entretanto os mandantes venceram por 3 x 2. Além do resultado positivo, os jogadores homenagearam Renatinho, entrando todos com uma camisa no estilo “terno”.

OBRIGADO, RENATO!

Sua trajetória foi excelente, foi ídolo por onde passou. Muitos não lembram, mas o craque teve passagens pela Seleção Brasileira. Venceu a Copa América de 2004 e a Copa das Confederações de 2005, entretanto não jogou a Copa do Mundo de 2006, porque na época, a Seleção Canarinha era recheada de craques, além disso a concorrência era muito grande. Com isso, bons jogadores comi Renato e Alex ficaram de fora dessa Copa. Ser campeão Brasileiro como volante e não receber nenhum cartão amarelo, não é pra qualquer um. Feliz vida Renato, o futebol tem muito a te agradecer por tudo que fez em sua carreira.

https://www.instagram.com/p/BYvn_wgFn_a/?utm_source=ig_web_copy_link

Foto Destaque: Reprodução/Arquivo/Santosfc

Leonardo Pinheiro
Escolhi jornalismo porque para mim é prazeroso informar as pessoas, e além disso, a paixão pelo futebol me encorajou a seguir essa carreira. Meu principalmente objetivo na profissão é trabalhar com esportes, principalmente o futebol.

Artigos Relacionados