Renato Gaúcho

No último domingo (5), o Grêmio empatou contra o Atlético-GO pela 8ª rodada do Brasileirão e chegou a seis jogos sem vitória. Posteriormente, após dizer que o time estava bem em entrevista coletiva, alguns torcedores pediram a saída do técnico Renato Gaúcho nas redes sociais. A saber, o Imortal encontra-se na 14ª posição com oito pontos conquistados. Ademais, na próxima rodada, não terá Kannemann, lesionado, e Geromel que foi expulso – seus dois principais zagueiros.

RENATO GAÚCHO

O treinador é um dos mais longevos no futebol brasileiro, isto é, comanda o Grêmio há quase quatro anos. Nesse intervalo, conquistou três vezes o Gauchão, além de uma Copa do Brasil, uma Libertadores e uma Recopa Sul-Americana. Contudo, apesar ser ter sido campeão do regional nesta temporada, a relação com os torcedores não é das melhores.

A saber, na 6ª rodada o time perdeu por 2 x 1 para o Sport dentro de casa e entrou na zona de rebaixamento. Contudo, com o empate subiu para 14º lugar e ainda tem um jogo a menos. Diante do  Dragão fez jogo lento e sem criatividade, especialmente no 2º tempo.

Por fim, para piorar Kannemann e Pedro Geromel não jogarão no próximo meio de semana. Ambos os zagueiros levaram cartão amarelo e, enquanto argentino cumprirá suspensão, Geromel acabou sendo expulso ao final da partida. Por fim, o time enfrentará o Bahia às 19h15 (horário de Brasília), em Pituaçu.

CRISE DE TÍTULOS

Na coletiva após a partida, o Renato Gaúcho disse que estava tudo bem o time. Ademais, alegou que a única crise no clube era de títulos. Por fim, também enfatizou que o time com o qual tinha empatado é o mesmo com o qual o ‘melhor do Brasil' Flamengo sofreu 3 a 0. Consequentemente, as repercussões pegaram mal e foram imediatas.

Foto destaque: Lucas Uebel/Grêmio

Shelton
Shelton Machado, 22 anos, alagoano e acadêmico de Jornalismo na Universidade Federal de Alagoas (Ufal). Torcedor do Palmeiras e apreciador da língua Inglesa.

Artigos Relacionados