Relembre as finais entre Brasil e Argentina

Brasil e Argentina realizam neste sábado (10), a grande final da Copa América 2021. A saber, as duas potencias sul-americanas voltam a se enfrentar em uma final de torneio de seleções após 14 anos. Logo, uma decisão entre os dois rivais supera qualquer outro jogo que estiver acontecendo ao redor do mundo. Uma vez que, independente de título, brasileiros e argentinos não querem perder para o país vizinho.

Decerto, o confronto é um dos maiores do mundo. Uma vez que, de um lado, tem a maior campeã mundial, com quatro títulos da Copa do Mundo, além de nove Copas Américas e quatro Copa das Confederações. Enquanto isso, do outro lado, a Argentina é bicampeã mundial, possui 14 taças da Copa América e uma das confederações. Não satisfeito, o duelo também vai colocar em embate dois dos melhores jogadores do mundo: Lionel Messi e Neymar.

A saber, o primeiro jogo oficial entre Hermanos e Tupiniquins aconteceu em 1914, em Buenos Aires, quando  os donos da casa venceram por 3 x 0. Foi aí, que o então presidente argentino Júlio Roca institui o Superclássico das Américas. Na qual se tratava de jogos entre os dois país valendo taça e medalha. Decerto, a competição foi um dos elementos que ajudou a crescer a rivalidade entre os países.

Ao longo de toda a história, as seleções já duelaram 110 vezes, com 44 vitórias da Amarelinha contra 41 da Alviceleste. Contudo, em relação a finais, com exceção do Superclássico das Américas, Brasil e Argentina duelaram poucas vezes em uma decisão de título.

Finais Brasil x Argentina

Se tratando de Copa América, Brasil e Argentina já se encontraram na final em três oportunidades. Assim, a primeira decisão entre as seleções aconteceu em 1937, em Buenos Aires. Na ocasião, o jogo terminou em 0 x 0. Todavia, na prorrogação, os Hermanos marcaram duas vezes e ficaram com o troféu.

67 anos depois, em 2004, os dois países voltaram a fazer uma final do torneio sul-americano. Dessa vez, jogando em Lima, no Peru, Brasil e Argentina empataram em 2 x 2. Assim, na decisão por pênaltis, Juan, Edu, Diego e Adriano converteram para os brasileiros. Enquanto isso, Heinze e D'alessandro erraram para os Hermanos e coroaram a Amarelinha campeã do continente.

No ano seguinte, os vizinhos voltaram a se encontrar em uma grande final, dessa vez, longe da América do Sul, mais precisamente em Frankfurt, na Alemanha. Na ocasião, o Brasil por ter ganho a Copa do Mundo de 2002, e a Argentina por ter sido vice da Copa América de 2004, participaram da Copa das Confederações. Logo, na decisão, com shows de Kaká, Ronaldinho e Adriano, a seleção canarinho aplicou 4 x 1 e ficou com o título.

Por fim, na Copa América da Venezuela, em 2007, mais uma vez os Hermanos ficaram com o vice. Logo, na grande final, em Maracaibo, a Argentina não viu a cor da bola, mas assistiu Júlio Baptista, Daniel Alves e Ayala(contra) fazerem 3 x 0 para a Seleção Brasileira levantar o caneco.

Expectativas para a final no Maracanã

Decerto, a Argentina está muito perto de voltar a conquistar algum titulo. Uma vez que, desde 1993 a Alviceleste não vence um torneio. Além disso, essa saga por uma taça se tornou pessoal para Lionel Messi, que até hoje, nunca foi campeão com a seleção principal de seu país.

Assim, nas disputas por pênaltis pela semifinal da Copa América contra a Colômbia, o mundo viu um Messi diferente, que vibrava a cada cobrança e que em um raro momento, até provocou os colombianos. Desse modo, sem dúvidas, aos 34 anos, o astro parece saber que a final no Maracanã é uma das últimas oportunidades para ele quebrar o seu jejum pela Alviceleste.

Enquanto isso, do lado brasileiro, também há um craque que busca seu primeiro título com a seleção principal. Logo, assim como Messi, a única conquista de Neymar pelo seu país foi uma Olímpiada. Uma vez que, na Copa América de 2019, em que o Brasil venceu, o jogador estava lesionado.

Portanto, essa final coloca em embate muito mais que uma rivalidade de dois países. Ela mexe com sentimentos, histórias e corações. Por fim, esse grande jogo acontece no sábado (10), às 21h (horário de Brasília), no mítico estádio do Maracanã.

Foto destaque: Divulgação/Sérgio Pinto/CBF

Pedro Lopes
Nasci e cresci em Minas Gerais, e aqui realizo um sonho cursando jornalismo na Universidade Federal de Viçosa. A paixão pela comunicação junto com o esporte me move a buscar um futebol cada dia mais democrático.
Você está aqui
Futebol Na Veia > Notícias > Relembre as finais entre Brasil e Argentina