portuguesa

A Portuguesa é um dos maiores clubes do futebol brasileiro. Contudo, desde sua queda da Série A do Campeonato Brasileiro para a Série B, o clube vive uma situação calamitosa, com dívidas e maus resultados. Todavia, nesta temporada a equipe está tendo alguns bons resultados na A2 do Campeonato Paulista e quando tudo voltar ao normal, poderá subir para a elite paulista.

Nesta terça-feira (2) a Associação Portuguesa de Desportos confirmou a contratação do zagueiro Ícaro de 26 anos, a apresentação do jogador foi nesta quarta-feira (3). Sendo assim, Ícaro chega para reforçar o time Rubro Verde que busca voltar a elite do futebol na sequência do Campeonato Paulista. Antes da paralisação os Lusitanos vinham com uma boa sequência no estadual. O time do Canindé tem cinco vitórias, três empates e quatro derrotas   está na 8ª posição fechando o grupo de classificação da Série A2.

Ícaro Cosmo da Rocha, 26, de 1,86 e 80 quilos Catarinense de Joinville. Neste ano, Ícaro disputou sete partidas do Campeonato Goiano pela Aparecidense. Apesar de jovem o jogador passou pelos clubes do Coritiba, Londrina, Santo André e Mirassol. Assim depois que o campeonato retornar o atleta vai poder defender a Lusa.

https://twitter.com/Lusa_Oficial/status/1267937384206827520?s=19

Foto Destaque: Divulgação / Associação Portuguesa de Desportos 

Jeane Souza
Nascida na Bahia criada em São Paulo. Sempre fui apaixonada por esporte essa paixão me motivou a cursar jornalismo. Tenho algumas lembranças na minha memória que me contagiou a querer a trabalhar nessa área. A copa de 94 o famoso grito do Galvão Bueno Acabouuu é tetra, lembrança do meu irmão me levando para conhecer o estádio pela primeira vez, ver meu time do coração em campo foi inesquecível, lembrança do meu irmão jogando nos campinhos da vida, tenho uma vaga lembrança da época que meu pai era bandeirinha em jogos de várzea. Herdei do meu pai a paixão pelo futebol. Minha mãe sempre foi minha maior incentivadora, gosto de acompanhar jogos com ela. Amo fazer atividades física, nado, treino, corro. Resolvi fazer jornalismo para viver contar histórias relatar todas as emoções que o esporte nos proporciona.

Artigos Relacionados