Segundo portal Flu já tem um treinador no radar; clube nega essa informação

De acordo com o portal NetFlu, o Fluminense já tem um treinador como “plano A”. O nome especulado seria o de Roger Machado. Ainda segundo a reportagem, o comandante teria ganhado força nos bastidores nas últimas semanas. Vale lembrar que, o Flu está sem treinador desde a saída de Odair Hellmann. Por conta disso, a diretoria efetivou Marcão até o final do Brasileirão.

Mas na noite da última terça-feira (12), a assessoria do clube negou que teria Roger Machado como principal para comandar a equipe. Ainda de acordo com a reportagem da NetFlu, o treinador pediu garantias de salários em dia. E que só voltaria a treinar uma equipe, após a vacina do novo coronavírus.

Por outro lado, o portal também confirmou que Eduardo Oliveira, técnico do Sub-20, está nos planos para treinar o elenco profissional. Mas o diretor de futebol do clube, Paulo Angioni, ainda não decidiu sobre a situação. Em dezembro de 2019, o vice-presidente, Celso Barros, disse nas redes sociais, que queria ver Lisca Doido ou Ariel Holan à beira do gramado.

Em conclusão, o Fluminense está sem treinador desde dezembro. Naquela ocasião, Odair Hellmann saiu para o Al Wasl, dos Emirados Árabes. Imediatamente, a diretoria efetivou Marcão até o final da temporada. O Flu entra em campo nesta quarta-feira (13), contra o Corinthians, fora de casa. O confronto é válido pela 29ª rodada do Campeonato Brasileiro.

ROGER MACHADO

O ex-jogador é ídolo da torcida. Marcou o gol do título na final da Copa do Brasil de 2007. De acordo com o site ogol, Roger teve três temporadas no Flu. De 2006 até 2008. Realizou 109 jogos marcando sete gols. Como treinador, comandou o Atlético-MG, Palmeiras e Bahia. No Verdão, foi campeão do Campeonato Brasileiro de de 2018. Seu último trabalho foi no Tricolor Baiano em 2020.

Foto Destaque: Felipe Oliveira/EC Bahia

Gabriel Gonçalves
Formado em jornalismo, escolhi esse caminho pois gosto de contar histórias para as pessoas. Apaixonado por esportes, agradeço ao meu avô por ter colocado o futebol na minha vida.

Artigos Relacionados