Patrocinense

No último lance do jogo o Cruzeiro arrancou um empate em 1 x 1 diante do Patrocinense e manteve sua invencibilidade no Campeonato Mineiro. Paulo Renê marcou no final do 1° tempo para o Águia e Maurício, aos 49 minutos da etapa final, deixou tudo igual. No entanto, apesar de ter evitado a derrota o resultado impediu a Raposa de alcançar a liderança do torneio e deixa a equipe fora da zona de classificação, ou seja, na 5ª colocação com 11 pontos. Já o time de Patrocínio termina a rodada em 6º lugar com oito pontos.

1° TEMPO

Jogando dentro de casa, o Patrocinense aproveitou da desatenção da marcação do Cruzeiro e os espaços abertos para dominar a primeira etapa. Sem poder ofensivo o plantel de Adílson Batista assustou pouco o mandante. Só para se ter uma ideia o único lance com real perigo aconteceu aos 10′. De fora de área o meia Maurício arriscou e o chute passou perto do gol de Thiago Passos. Já do outro lado, o Águia chegava com perigo, principalmente, com Giba e Paulo Renê. Assim, com eles os donos da casa criaram ao menos três oportunidades antes de abrir o placar.

Aos 42′, o atacante Renê recebeu cruzamento na segunda trave se jogou na bola e conseguiu finalizar bem perto da trave direita. Quatro minutos depois o camisa 9 não desperdiçou. Giba foi até a linha de fundo e cruzou na medida para o atacante, que se antecipou ao zagueiro Léo, e subiu para marcar o 1 x 0.

2° TEMPO

Do mesmo modo que na primeira etapa, o Patrocinense voltou ditando o ritmo da partida e com o autor do gol querendo jogo. Assim, aos quatro minutos Renê finalizou com o bico da chuteira e Fábio apareceu bem para fazer a defesa. Com o time em campo sem criatividade para criar oportunidades o comandante da Raposa gastou suas três alterações com o intuito de melhorar o poder ofensivo. Assim, Alexandre Jesus, Roberson eJadsom deram lugar para Marco Antônio, Welinton e Popó, respectivamente. Mas a produção permaneceu a mesma.

Com a vantagem a seu favor o dono da casa passou a administrar o placar e com isso recuou suas linhas. No entanto, a estratégia não foi a melhor escolha. Isto porque, no último lance do embate, aos 49′, Maurício marcou e deixou tudo igual 1 x 1.

E AGORA?

O Patrocinense visita a Caldense no próximo domingo (1), às 10h30, no Estádio Dr. Ronaldo Junqueira. Antes do duelo da 7ª rodada a Celeste tem um embate adiado da 2ª rodada diante do Tombense, quinta-feira (20), às 19h15, em Tombos. Depois, o time volta a campo também no domingo (1), às 16h, quando enfrenta o Uberlândia, no Mineirão.

FOTO DESTAQUE: Eder Terere/Light Press/Cruzeiro

Izabela Avelar
Izabela Avelar, mineira de 22 anos. Estudante de Jornalismo na UNA, em Belo Horizonte. Amo esportes e em especial a paixão dos brasileiros: o futebol. Tenho apreciado esta arte pelas arquibandas. Agora me aventuro também pelos bastidores. Para as mulheres, não é fácil entrar nesse mundo. Eu decidi enfrentar. Estou em busca do meu espaço. Levar a alegria de forma imparcial. E provar que mulher entende sim de futebol.

Artigos Relacionados