Fagner

Nesta quinta-feira (11), a Coluna Parabéns ao Craque faz homenagem a Fagner Conserva Lemos, ou simplesmente, Fagner. Nascido em São Paulo, no ano de 1989, é um grande jogador, que vem fazendo história por onde passa. Atualmente, é o lateral-direito do Corinthians.

INÍCIO DE CARREIRA

Fagner começou sua vida nos gramados nas categorias de base do Corinthians. A estreia aconteceu em uma goleada contra o Fortaleza por 4 x 0. Ele era considerado uma grande revelação da equipe, mas o seu desempenho não saiu como esperado e foi para fora do Brasil. Em 2007, foi transferido para o PSV, da Holanda, e depois retornou aos solos brasileiros.

VASCO DA GAMA

Com uma passagem curta no futebol holandês, o lateral retornou ao Brasil e foi jogar no Vasco para a temporada de 2009. O time estava na segunda divisão. Apesar do jogador ter ficado no banco de reservas, o clube carioca se consagrou como o campeão da Série B.

No ano de 2010, já na elite do futebol nacional, o atleta conseguiu mostrar seu futebol e ganhar visibilidade. Assim, na temporada seguinte, em 2011, o jogador ainda teve mais destaque. O Cruz-Maltino foi campeão da Copa do Brasil e também ficou em 2º lugar na tabela do Campeonato Brasileiro. Portanto, ganhou o Prêmio Craque do Brasileirão como o melhor lateral-direito.

Na temporada de 2012, Fagner ainda manteve seu bom futebol e foi um dos destaques da Libertadores da América. O time chegou até as quartas de final. No entanto, foi eliminado pelo Corinthians por 1 x 0.

WOLFSBURG

Com todo seu empenho no Vasco, o atleta foi vendido para o Wolfsburg, da Alemanha, e assinou um contrato até 2016. Dessa maneira, no clube, praticou muito desarmes. O jogador começou muito bem, porém o nível do time não estava bom e acabou deixando o desempenho do lateral cair. Assim, ele ficou no banco em diversos jogos, o que fez com que ele não pudesse mostrar todo seu potencial. Com isso, acabou retornando ao Brasil.

VOLTA AO VASCO

No mês de julho de 2013, Fagner retornou ao clube carioca por meio de um empréstimo. Assim, ele recebeu algumas propostas de outros times do Brasil, mas optou retornar ao Vasco da Gama, no qual tinha muito carinho e também viveu sua melhor fase no futebol. Ainda assim, não conseguiu livrar o time do rebaixamento e acabou saindo do Cruz-Maltino, encerrando sua segunda passagem no clube.

MAIS UMA PASSAGEM NO CORINTHIANS

Através de um empréstimo que foi aceito pelo Wolfsburg, o jogador retornou ao seu clube de formação. Seu primeiro gol na equipe aconteceu em um clássico contra o São Paulo, no Brasileirão de 2014. Já em 2015, o lateral ajudou o Timão a conquistar o sexto título do Campeonato Brasileiro e isso motivou na convocação da Seleção Brasileira.

SELEÇÃO BRASILEIRA

Em agosto de 2016, Fagner foi convocado pelo técnico Tite para as eliminatórias da Copa do Mundo de 2018. Como venceu o Brasileirão de 2017, manteve um bom futebol na competição, ganhou confiança do mandatário e foi convocado para a Copa do Mundo de 2018. Ele foi titular na maioria das partidas. Assim, conforme seu desempenho pelo Time do Povo em 2018, foi convocado para a Copa América de 2019. Contudo, ficou como reserva de Daniel Alves. O Brasil foi campeão do torneio.

GRATIDÃO POR TUDO

Neste dia tão especial desejamos um ano promissor com muita saúde e sucesso no futebol. Que sua volta aos gramados seja de muito sucesso, gols e títulos. Enfim, não podemos esquecer das suas entradas duras com os adversários. Preste atenção! O Corinthians precisa de você nas partidas.

Foto destaque: Reprodução/ Rodrigo Gazzanel/Corinthians

Ana Paula Reis
Ana Paula Reis nasceu em São Paulo no dia 30/07/1996. Jornalista e Corintiana Fanática, vibra muito quando ver o timão em campo e pede ajuda a São Jorge. Adora uma boa conversa para poder ouvir, e ao mesmo tempo transmitir suas experiências. Sempre disposta para uma nova pauta e transformá-la numa notícia.

Artigos Relacionados