O Palmeiras repetiu a dose e, assim como no profissional, o sub-20 conquistou o Campeonato Paulista em cima do arquirrival Corinthians. O duelo final aconteceu na tarde deste sábado (26), no estádio Alfredo Schurig, em São Paulo. O Timão com uma campanha superior a do Alviverde teve a vantagem de decidir em casa em jogo único. O herói da partida novamente saiu do banco de reservas. Kaique, a exemplo do confronto contra o Audax, saiu novamente dos suplentes para a disputa de pênaltis e como outrora, defendeu três e partiu pra festa.

1° TEMPO

O Palmeiras começou o jogo com três zagueiros (Carlos, Michel e Gabriel), respeitando o ataque mais eficiente da competição, que até a partida de hoje havia marcado 29 gols em nove jogos, obtendo uma média de mais de 3 gols por jogo, e buscou no seu lado direito do ataque suas melhores jogadas com Ramom. Assim, a melhor chance do Corinthians no 1° tempo foi aos 23 minutos. Após cobrança de lateral de Reginaldo para área, o goleiro Leandro, se atrapalhou na saída para defesa, e a bola sobrou para Mateus Araújo, que mandou de primeira para o gol, porém o pé salvador de Carlos evitou o tento Alvinegro.

Por outro lado, o Palmeiras aos poucos foi crescendo no jogo. Dessa forma, a melhor chance do Alviverde foi aos 37 minutos. Em cobrança de falta do lado esquerdo da meia lua, próximo à risca da grande área, Pedro Acácio bateu bem e a bola caprichosamente bateu nas junções das traves superiores do lado direito do goleiro Yago. Por fim, o Corinthians teve uma nova chance com o capitão Vitinho, que roubou uma bola de Pedro Bicalho no meio-campo e chutou de fora, em arremate perigoso. Com isso, o jogo foi para o intervalo e igualdade no placar: 0 x 0.

2° TEMPO

O Corinthians começou o 2° tempo, da mesma maneira dos 45 minutos iniciais, explorando as laterais , mas desta vez, com o Palmeiras pouco agredindo o ataque corintiano. Aos 15′, em boa jogada pela direita, Daniel Marcos cruzou, e Reginaldo subiu livre na risca da pequena área, cabeceando por cima do gol. O tento do Timão saiu aos 20′, em uma falha inacreditável do goleiro Leandro. Assim, em recuo do zagueiro Jhow, a bola bateu no morrinho e enganou o arqueiro, morrendo no fundo da rede.

Pouco depois, o Timão criou duas ótimas chances e poderia ter definido a partida. Matheus Araújo recebeu de Cauê na pequena área, errou o chute, e a bola foi por cima do gol. Além disso, Richard, em contra-ataque, chutou cruzado, e o goleiro Leandro fez ótima defesa. O gol do Palmeiras surgiu aos 31 minutos. Depois de cobrança de escanteio do lado direito do ataque, Michel subiu livre sem marcação para empatar. A bola ainda contou com um desvio da defesa do Corinthians antes de estufar as redes do goleiro Yago. Por fim, o arqueiro Alvinegro ainda parou as finalizações de Kevin e Daniel, evitando a derrota no tempo normal.

PÊNALTIS

Assim como na semifinal diante do Audax, a estrela do goleiro Kaique brilhou. O arqueiro defendeu três cobranças alvinegras, de Gabriel Araújo, Lucas Pires e Eduardo Tanque. Do lado verde, Pedro Bicalho, Kevin e Ramon Rocha converteram suas cobranças. Nem o chute do Robert, para fora, impediu a festa Alviverde na casa do rival. O Palmeiras se tornou tetracampeão Paulista sub-20.

CORINTHIANS X PALMEIRAS – E AGORA?

O Palmeiras conquistou seu 4° título consecutivo estadual, sendo o 11° na história. Ao Corinthians resta lamentar a melhor campanha da competição e terminar o campeonato como vice-campeão, sem sequer ter perdido um jogo. Ambos agora voltam suas atenções às quartas de finais do Brasileirão sub-20. O Timão recebe na próxima terça-feira (29) o Grêmio, às 16h (horário de Brasília), na Fazendinha. Por outro lado, o Alviverde no mesmo dia e hora enfrenta o Atlético-MG, no Allianz Parque.

MELHORES MOMENTOS – CORINTHIANS X PALMEIRAS

Foto Destaque: Divulgação/Palmeiras

Avatar
Hézyo Sadú
Hézyo, pra recalque e inconformismo dos fofoqueiros e fracassados, é Formado pela Univ. São Judas em Com. Social e também pela Fac. das Américas em Ger. de redes, com certificação Cisco. Corinthiano, Já cobriu diversas decisões como LBF, Brasileiro Masculino e Feminino, Liga Futsal e torneios de MMA. Umbandista, é medium da Casa de Mata VIrgem e filho de Pai Fabio Tadeu Odé de Gongobira.

Artigos Relacionados