Nesta sexta-feira (14), Mirassol e Sport se reencontraram em Bálsamo. Porém, nessa oportunidade, o jogo foi válido pela 3ª fase da Copinha. Contra todas as expectativas, o Mirassol segurou a forte pressão do Sport, segue com 100% de aproveitamento e irá jogar as Oitavas de Final da Copinha pela segunda vez seguida.

1º TEMPO: MUITO EQUILÍBRIO, MAS É GOL DO MIRASSOL

A princípio, o Sport parecia ser superior. Nos primeiros 10 minutos, o Leão da Ilha sufocou o Mirassol, mas não conseguia finalizar. O jogo estava apertado, tanto que o primeiro chute a gol só foi sair aos 15′, com Gabriel Tota. As duas equipes chegavam bem ao ataque, mas o Mirassol começou a trazer mais perigo por volta dos 30′. Assim, a pressão amarela começou. O time paulista teve um grande momento que durou cerca de 10 minutos, mas que foi o suficiente para abrir o placar. Aos 39′, num lance que se originou na esquerda com Frank, Kauan recebeu no meio, gingou e deu um “totó” por cima da defesa. Como elemento surpresa, o volante Du Fernandes chegou como matador e empurrou pra dentro. A primeira etapa terminou 1 x 0 a favor do Mirassol.

2º TEMPO: DUELO DE LEÕES QUASE AO PÉ DA LETRA

A segunda parte começou pegando fogo. O Mirassol tentou pegar o Sport de surpresa, porém, foram rapidamente desarmados. O Sport voltou a campo buscando a virada de qualquer maneira, e a mesa virou contra o Mirassol. Aquela pressão do 1º tempo foi retribuída em dobro pelo Sport, que com os pontas Paulinho e Francisco criavam inúmeros bons lances. Muitos cruzamentos e bolas em velocidade infernizavam a vida dos laterais do Mirassol. Aos 14′, Paulinho recebeu no meio da área, mas pegou mal e chutou por cima. Já aos 24′, Francisco correu pela ponta e foi derrubado por Rinaldi dentro da área, mas sem falta. Sendo assim, o técnico do Mirassol percebeu que tinha que partir pra uma tática diferente. Colocou o zagueiro Fábio em campo e estacionou o ônibus na defesa.

O Sport chegava, pressionava, sufocava, mas sempre eram recebidos por um zagueiro pronto para afastar a bola de qualquer maneira. E foi em uma dessas afastadas repentinas que o mundo desabou para os pernambucanos. Aos 47′, o Sport mandou todos ao ataque. Quando a jogada terminou nos pés da zaga do Mirassol, deram um bico na bola, que subiu tanto que quase atingiu os céus de Bálsamo. Quando ela caiu, Nassom se desentendeu com o goleiro Adriano, e quem se aproveitou foi Gabriel Tota. O camisa 8 surgiu para tirar a bola do goleiro, e com caminho livre, fez o segundo do Mirassol. Ainda deu tempo de Leoni, do Sport, ser expulso após perder a cabeça e quase pisar no rosto do goleiro Vinícius do Mirassol, mas nada grave aconteceu. Agora, é só festa em Mirassol.

MIRASSOL X SPORT – E AGORA?

O Mirassol irá enfrentar o Bahia pelas Oitavas de Final da Copinha, em mais um jogo que promete emoção. O Sport, eliminado, terá pela frente a preparação para o Campeonato Brasileiro Sub-20, e a viagem de volta para Recife. Que eles voltem ano que vem de cabeças erguidas, pois a garra mostrada hoje não será esquecida.

Foto destaque: Divulgação/Léo Roveroni/Agência Mirassol

Arthur Viana
Apaixonado por futebol e jornalismo desde sempre. Quero transmitir o que está acontecendo no mundo para o mundo.