A , principal torneio de categorias de base do futebol brasileiro, estreia hoje, quarta-feira (2), às 17h15 (horário de Brasília), com o Grupo 18. Mais tarde, a partir das 19h15, tem a estreia doGrupo 17, com Ituano x Sinop, no estádio Novelli Júnior, em Itu. Mas o principal duelo do dia acontece no horário nobre, às 21h30, entre Corinthians, o maior campeão, e o Capitaldo Tocantins, também no Novelli Júnior.

Copa São Paulo de Futebol Júnior 2019 – Grupo 17 – 1ª rodada

Ituano x Sinop-MT

O sub-20 do Ituano volta as atividades, jogando em casa, no estádio Novelli Júnior, contra o Sinop, do Mato Grosso. No elenco do time mandante 30 atletas e 20 deles disputaram o Paulista da categoria, no qual o time chegou até a 3ª fase, ficando na 9ª colocação, melhor posição desde as semifinais de 2014, e os outros 10 atletas subiram do sub-17. Alguns são conhecidos do técnico Luiz Antônio desde o sub-15, como ele mesmo diz:

“O Leo Duarte está comigo desde 2014, quando comecei como técnico na categoria. Outros estão também há muito tempo como Pablo, Gui Mendes, Martinelli, Donizete e Gustavo Rodrigues. É um grupo jovem e de muita qualidade. São atletas que jogam com o DNA do clube, como deseja o Juninho”, comentou o técnico que vai se despedir das categorias de base nesta competição, pois será auxiliar técnico de Vinicius Bergantin no profissional.

Gui Mendes e Gabriel Martinelli já vestiram a camisa do profissional e são os mais experientes da equipe, apesar da pouca idade. Além deles, como destaque, o time conta com algumas promessas a surpreender no torneio, como Pablo, João Felipe e Lucas Rodrigues:

“Sei que posso ajudar o time, então utilizo minha fé e autoconfiança para não desperdiçar a chance quando a receber. Nosso time está muito unido e focado. É um time competitivo e capaz de ir longe”, afirmou Pablo“Acredito que o elenco é capaz de superar a marca de 2016 e alcançar o objetivo do clube. Somos uma equipe jovem e cheia de energia, temos nosso objetivo coletivo muito bem definido”, comentou João Felipe Lucas Rodrigues finalizou: “Nosso time me passa confiança, temos boas peças e que servem muito bem os atacantes, então, consequentemente, os gols precisam vir. Estou entusiasmado com minha primeira oportunidade na Copinha e quero aproveitá-la como se fosse a última, ajudar o time e fazer parte da artilharia da competição”.

Pelo lado do Sinop, o time foi recentemente vice-campeão mato-grossense sub-19, perdendo a final para o Cuiabá. E o time já estreia no torneio com alguns desfalques. De acordo com a assessoria, o lateral Pedrinho, o meia Giraldie o atacante  Henrique, se machucaram em um jogo treino contra ex-atletas da base do Galo, no estádio Gigante do Norte. Com isso, os três que são considerados titulares podem até ficar de fora da competição. Para evitar novas lesões, a comissão técnica decidiu cancelar o amistoso contra o time profissional do Luverdense, mas o time segue firme na preparação, como afirma o treinador Willian Araújo.

“Nos causa preocupação porque que são jogadores que vinham sendo titulares. Esperamos a recuperação deles, caso contrário, temos substitutos no grupo, mas é sempre bom ter opções. Preparamos primeiro a parte física dos jogadores, chegamos no estágio que queríamos e agora é só alguns testes e manutenção. O geral está pronto, agora é só alguns ajustes”.

O meia Guilherme Santos é experiente em Copinhas e já atuou por equipes como Santos, Red Bull Brasil e Penapolense e disputará com o Sinop sua terceira Copa São Paulo. Ele vê a união do grupo como fundamental para uma boa participação na competição:

“É muito bom a nossa união ajuda muito um correndo pelo outro com certeza a vitória vem muito mais fácil”, afirmou.

Corinthians x Capital-TO

Timão, maior vencedor do torneio, estreia em horário nobre e terá pela frente o modesto Capital, do Tocantins, anteriormente nome Ricanato. E Fabrício Oya já é figura carimbada na base do Corinthians. O camisa 10 é a esperança do clube para o futuro, mas no momento está focado em sua quarta e última Copa São Paulo. O jogador já foi campeão e vice pelo time alvinegro:

“Confiante, como sempre, porque Copa São Paulo para o Corinthians é como se fosse Copa do Mundo. Já temos 10 (títulos), vamos em busca da 11ª. Estou muito confiante na equipe, todos estão, e tenho certeza que vamos dar muita alegria para a torcida”, bradou a promessa ao portal Gazeta Esportiva.

https://twitter.com/Corinthians/status/1080436030300401664?s=19

Mudando o discurso, o técnico do Corinthians, Eduardo Barroca, ex-Botafogo, tira peso do título da Copinha e fala em formar jogadores protagonistas. O treinador levou o time às finais do Campeonato Paulista e da Copa do Brasil, mas acabou sendo superado pelos arquirrivais Palmeiras e São Paulo nas duas finais, respectivamente:

“A Copa São Paulo tem tradição especial, internamente para o clube faz muito sentido e a gente precisa se preparar bem para isso, mas tecnicamente não é a principal. Mas estamos desde a minha chegada trabalhando para chegar neste momento na nossa plenitude técnica, física, tática e mental para os jogadores conseguirem render o máximo que puderem. É a competição com mais visibilidade, mas peço que as pessoas avaliem com critério e coerência, pois não é essa competição que determina se o jogador vai transitar ao futebol profissional ou não”, explica o treinador.

https://twitter.com/Corinthians/status/1080178208316801024?s=19

Pelo lado tocantinense, o Capital/Ricanato vem de vitória em amistoso contra o Grêmio Bela Vista por 2 x 1 no último dia 23 de dezembro, em Rio Claro-SP. Jorge(atacante) e Wellington (lateral direito) foram os autores dos tentos. O clube será comandado por dois treinadores: Wilsomar Sena e Paulo Caroço. 23 atletas foram convocados e Edmundo foi cortado por lesão.

O time vem de um bom retrospecto no estadual de base, sendo o atual e inédito tricampeão tocantinense sub-19 após vencer o Palmas por 4 x 1, na segunda e decisiva partida da final, realizada no estádio Nilton Santos, e conquistou o quarto título sub-19, sendo o terceiro seguido, após empate de 1 x 1 no primeiro confronto. O técnico Paulo Caroço levou o prêmio de melhor treinador. Um dos principais destaques do time é o meia-atacante Juninho, eleito melhor jogador do estadual sub-19. Além dele, Ramom, autor de dois gols na final do estadual da categoria, também é uma das promessas, juntamente com o goleiro Luiz Eduardo, menos vazado da competição.

Eric Filardi
Quando pequeno quis ser jogador. O sonho de criança passou. Uma vida nova se anseia. Bem-vindo ao melhor site de futebol. Bem-vindo ao Futebol na Veia. Sou Eric Filardi, paulistano de 27 anos, criado em Taboão da Serra, jornalista pós-graduado em Jornalismo Esportivo e apaixonado por futebol. Como todo jornalista amo escrever. Como todo brasileiro amo futebol. Tenho meu clube e minhas preferências, mas viso o profissionalismo e a imparcialidade, sem deixar de lado a criatividade. Sou Tricolor, Peixe, Palestra e Timão. Sou da Colina, Glorioso, Flu e Mengão. Sou brasileiro, hermano, francês e italiano. Sou Ghiggia, Paolo Rossi, Caniggia e Zidane. Sou Alemanha dos 7 x 1, mas que o povo não se engane. Também sou Ronaldo, Romário, Zico, Garrincha e Pelé. Sou Bundesliga, MLS, Eredivisie e Premier. Sou das várzeas e dos terrões. Sou Clássico das Multidões. Sou Sul, Nordeste, Amazônia e Pantanal. Sou Galo, Raposa, Bavi e Grenal. Sou Ásia e África. Sou Barça e Real. Sou as Américas, a Europa, sou o mundo em geral. Sou a festa nas arquibancadas que o estádio incendeia: sou Futebol na Veia.
https://bit.ly/EricFilardi

Artigos Relacionados