Juanfran comenta polêmica antiga com zagueiro Piqué

Embora muitos possam não se lembrar disto, o lateral-direito Juanfran, atualmente no São Paulo, foi jogador do Osasuna, da Espanha, entre 2006 e 2011. Na época, o esportista se envolveu em uma polêmica com o zagueiro Gerard Piqué, este que continua atuando com as cores da camisa do Barcelona. Através de seu twitter, o defensor do Tricolor Paulista provocou tanto o Barça quanto seu atleta, causando muitos comentários. Por essa razão e pelas recordações, o jogador optou por excluir suas redes sociais.

“Foi um jogo entre Barcelona e Osasuna, e eu falei mal do Barcelona, falei mal do Piqué. Obviamente que o Piqué também falou alguma coisa, porque ele gosta um pouco disso. Mas depois jogamos na seleção (da Espanha). Estamos falando de coisas de 12 anos atrás”, afirmou Juanfran, que completou dizendo sobre a repercussão do fato.

“Antes não tinha repercussão. Hoje tudo que você fala é uma bomba. Eu excluí um pouco por conta disso. Porque quando as coisas vão bem, falam bem de você. E não é bom para você que fique na cabeça só com as coisas boas. Depois, quando as coisas ficam ruins, você se abala negativamente”, disse.

XAVI

Xavi, que fez muito sucesso pelo time espanhol, e também atuou com o desportista na seleção de seu país, recomendou-o que apagasse todos seus perfis sociais, a fim de que houvesse uma tranquilidade. Ademais, o ex-jogador não era de usar muito suas contas.

“Ele (Xavi) falou o mesmo que eu estou falando agora. E depois que ele me falou isso na seleção, eu começei a pensar. ‘É capitão do Barcelona, tem tudo, ganhou tudo e ele está bem e não está (nas redes sociais), então eu também não preciso”. Passou um uno ou dois e excluíu”, afirmou.

ANTENADO

Apesar de não estar mais presente no meio online, Juanfran sempre procura se manter atualizado com as notícias do Soberano. Desse modo, comentou como sempre procura ver o que está acontecendo em seu plantel.

“Eu sei que eu também quero estar conectado com as notícias do São Paulo. Você pode não ficar totalmente por fora. Você tem que estar sabendo de tudo o que está relacionado com o time. De vez em quando, eu dou uma olhada na internet. A maioria das coisas sobre mim eu fico sabendo quando amigos me passam por whatsapp”.

BORDÃO

Com todo seu carisma, o espanhol ficou marcado pelo “Bom dia, Tricolor”, que ficou com uma marca registrada desde sua chegada ao Tricolor do Morumbi.

“Eu gosto que seja sempre um bom dia para mim. Um dia especial. É o que desejo para mim e também quero desejar para vocês. Um dia bom. Imagina ‘ruim dia' (risos). ‘Ruim dia, Tricolor não da”, explicou. Além disso, fez uma brincadeira com essa frase.

“Eu acho que não está patenteado. Vou patentear”

CHEGADA E NÚMEROS

Contratado em agosto da temporada de 2019, realizou até agora 26 partidas com a camisa do São Paulo, contudo, não marcou nenhum gol. Porém, o atleta tem um carinho especial dos torcedores, que mostram confiança com o time para sequência da temporada, na qual está muito próxima do retorno.

https://twitter.com/eroliveira_/status/1230881746788417536?s=20

Foto destaque: Reprodução/Rubens Chiri/SPFC

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

Lucas de Lima Barão
Atualmente, estou no 6º semestre de jornalismo pela Universidade Nove de Julho. Tenho vontade de trabalhar com jornalismo esportivo, entretanto, não descarto abrir portas para outros caminhos. Ganhei um prêmio de melhor trabalho jornalístico no 5 semestre, onde meu grupo e eu produzimos um site. Estou em busca de encontrar oportunidades no mercado de trabalho.

Artigos Relacionados