Cuiabá

Enfim, a primeira vitória do Cuiabá chegou. Dessa maneira, a vitória diante da Chapecoense, por 3 x 2, fora de casa, dá confiança a equipe e quebra um jejum de dois meses sem vencer – o maior da história do clube. Assim, os três pontos trouxeram alívio para o técnico Jorginho, que classificou a vitória como um “momento histórico”.

“Feliz por isso. Parabéns para todos os atletas que são os responsáveis diretamente pelo resultado. A gente se alegrou muito no vestiário, todo mundo festejando. É um momento histórico para o clube. Conseguimos uma vitória importantíssima. É uma vitória fundamental para tirar o peso de que não havíamos vencido na Série A. Vai ficar marcada para o resto da história do clube e fico feliz por fazer parte disso”.

João Lucas

Com duas assistências, o lateral-direito João Lucas foi essencial para o primeiro triunfo da história do Cuiabá na Série A. Dessa maneira, Jorginho, que foi tetracampeão mundial com a Seleção Brasileira atuando nesta posição, foi só elogios ao camisa 2 cuiabanista. Além disso, o comandante descreveu um momento curioso antes do gol decisivo.

“O João Lucas fez uma grande partida. Em quatro oportunidades, ele passou em grande velocidade e não recebeu o passe. Falei que se fosse comigo, estaria desesperado. Quando ele recebeu a bola do Uillian [Correia, na jogada do gol], comecei a gritar “não, não”, porque era uma bola muito longa. Para a minha felicidade, ele encontrou o Elton e conseguimos fazer aquele gol”. 

Cuiabá vive bom momento ofensivo

Desde a chegada de Jorginho, houve um crescimento considerável na produção ofensiva da equipe. Dessa forma, surgiu uma competição interna no comando de ataque entre Jenison e Elton. Assim, ambos foram decisivos contra a Chapecoense, marcando um gol cada.

“Não necessariamente tenho que trocar um pelo outro. Os dois podem jogar juntos, porque são dois jogadores muito disciplinados, determinados. Procurei fazer com que o Jenison viesse mais por trás, deixando o Elton de pivô. É muito bom contar com esses dois jogadores no nosso elenco”.

Situação na tabela

Por outro lado, o Cuiabá segue na zona de rebaixamento, com nove pontos. Dessa maneira, o Dourado fica na 17ª posição, com dois jogos a menos do que a maioria dos adversários. Assim, o Cuiabá volta a campo diante do Atlético-GO, na próxima quarta-feira (21), às 19h (horário de Brasília), na Arena Pantanal, em jogo adiado da 3ª rodada do Brasileirão Série A.

Foto Destaque: Divulgação/Cuiabá

Gerson Nichollas
A escolha do jornalismo veio para unir minha paixão por escrever e também o amor que tenho pelos esportes, principalmente o futebol. Por isso, tenho um blog chamado "Segue la Pelota" para falar sobre esta modalidade. Por outro lado, sou uma pessoa muito comunicativa e acredito que com a minha espontaneidade vou chegar longe na profissão, tendo como maior objetivo trabalhar em frente às câmeras.

Deixe uma resposta