Nesta segunda-feira (5), o Bahia apresentou o volante Jonas. A princípio, o jogador chegou para a vaga de Gregore, que foi negociado. Desse modo, o atleta que está no clube há aproximadamente duas semanas, pode ser opção para o duelo de quarta (7), pela Copa do Brasil.

A saber, a última partida do volante Jonas foi pelo Al Ittihad, em janeiro de 2020. Sendo assim, o jogador está um há um longo período sem atuar. Dessa forma, o jogador afirmou esse tempo de treinamento foi bom para readaptar ao futebol brasileiro.

É um pouco diferente o futebol lá com o daqui. A gente sabe que os caras não trabalham com a mesma intensidade que aqui no Brasil. Aqui no Brasil a gente sabe que é jogo em cima de jogo, o preparo é mais eficiente que lá. Lá a gente treina só um período, que é durante a noite. Aqui no Brasil a gente treina dois períodos, as vezes treina um período com intensidade muito boa.

Então, estou muito feliz pela minha parte física, acho que não vou sentir muito, estou evoluindo bem. Acho que estou bem preparado para poder atuar, vai depender do professor. Não sei quanto tempo posso atuar. Vai depender dele Se me colocar, vou com tudo para dar o melhor em campo”.

Além disso, o volante Jonas terá concorrência na posição. Logo, o Bahia tem mais três atletas para disputar a posição. Entretanto, o jogador afirmou isso pode fazer com que o nível esteja sempre acima.

Disputa boa, sempre é bom quando tem grandes jogadores. Fica uma disputa legal. Estou preparado, vou buscar meu espaço para fazer um grande trabalho e conseguir os triunfos”. 

Expectativa para vestir a camisa do Bahia

Por fim, o volante falou que suas expectativas estão altas, em poder atuar com a camisa do Bahia.

Muito feliz. Expectativa das melhores possíveis. Muito feliz em vestir a camisa do Bahia. Agradecer ao Bahia pela confiança no trabalho e agora fazer o que mais gosto, jogar futebol, me dedicar, com muita entrega em campo, como sempre fiz, e conseguir os triunfos”. 

Foto Destaque: Divulgação/ Antônio Muniz/EC Bahia

Avatar
Gilvan Rodrigues
Gilvan Junior, 20 anos, natural de Feira de Santana, estudante de jornalismo pela FAT. Desde pequeno, meu principal assunto era o esporte. Sempre acompanhado programas, sites, etc. Decidir, partir pra área que me dará a oportunidade de viver daquilo que mais amo. O futebol.

Deixe uma resposta