Internacional x Flamengo como aconteceu – Resultado, destaques e reação

Na tarde deste domingo (24), o duelo Internacional x Flamengo aconteceu pela 7ª rodada do Brasileirão A1. Assim, as equipes empataram, com um gol de cada lado, no jogo da 1ª fase da competição, no Estádio Cristo Rei, em São Leopoldo. Os gols saíram dos pés de Duda, pelo Rubro-Negro, e depois Millene Fernandes igualou para as Coloradas.

Assista aos melhores momentos de Internacional x Flamengo

1º tempo: Flamengo dominante

Diferente do último jogo, o Mengão começou bem o duelo fora de casa. A princípio, as Meninas da Gávea precisavam de um bom resultado na partida, para continuar sonhando na classificação para a segunda fase. Do outro lado, as Coloradas tinham vantagem na tabela: vice-líder, o Internacional contabiliza apenas uma derrota na competição.

Em suma, todos os gols ocorreram na 1ª etapa do jogo. Aos 18′, Leidiane ameaça driblar a adversária com um chapéu, e sofre toque faltoso na pequena área, que resulta em pênalti a favor do Rubro-Negro. A seguir, Duda cobra para o Fla, que abre o placar no Cristo Rei.

Após isso, as Gurias reagiram. Com jogada feita na cobrança de lateral, Millene Fernandes notou a goleira do Flamengo adiantada, e tocou para o fundo da rede Rubro-Negra.

2º tempo: Inter pressiona, mas visitantes asseguram o placar

A saber, na volta do intervalo, o Mengão jogou no estilo mais defensivo, com intuito de assegurar o bom desempenho como visitante. Já as Coloradas, tentaram marcar a favor mais vezes, porém, sem sucesso.

Apesar do empate, o ponto valioso em meio de campeonato ajudou os times na tabela.

Internacional x Flamengo – E agora?

A princípio, o Inter foi aos 16 pontos e segue na vice-liderança do Brasileirão Feminino, atrás apenas do Palmeiras. Enquanto isso, o Rubro-Negro chegou aos 9 pontos na competição, e permanece na 8ª colocação. Por fim, as duas equipes voltam a campo pelo Brasileirão no próximo fim de semana. A saber, Internacional enfrenta o Palmeiras no sábado (30), e o Flamengo, recebe o Esmac no domingo.

Foto destaque: Divulgação / Internacional

Fabricia Leite
18 anos, da Bahia. Vivo para fazer o que amo. E o futebol é a maior dessas paixões.