Neste sábado (12), Internacional e Botafogo se enfrentaram pela 25ª rodada do Brasileirão Série A 2020. A partida aconteceu no Estádio Beira Rio e contou com lances polêmicos da arbitragem. Expulsão não dada e gol validado em lance bizarro demarcaram uma partida vergonhosa da arbitragem. Ademais, o duelo se encerrou em 2 x 1. Pedro Raul abriu o marcador em favor dos visitantes, Patrick empatou e Yuri Alberto virou para os donos da casa.

1° TEMPO

Precisando da vitória para sonhar em sair da zona de rebaixamento, o Botafogo começou pressionando. Aos 2′, Bruno Nazário recebeu nas costas da defesa do Colorado, chutou cruzado dentro da pequena área, mas ninguém apareceu. Em continuidade, aos 19′, Thiago Galhardo dominou dentro da área e chutou de perna direita, mas Diego Cavalieri defesa em dois tempos. Imediatamente, como resposta, Nazário cobrou falta direto e Marcelo Lomba tirou de soco. Com mudanças táticas feitas por Barroca, Zé Welison assumiu a titularidade e contribuiu com a jogada que levou ao primeiro gol. O camisa 50 do time carioca cruzou na pequena área para Pedro Raul cabecear para o fundo das redes.

A insistência dos donos da casa foi recompensada e aos 36′, Moisés tirou Honda para dançar e carimbou a trave de Cavalieri. No lance seguinte, Patrick apareceu e empurrou a bola para o fundo das redes e empatou a partida. Contudo, os ânimos esquentaram após Rodinei colocar a mão na bola de forma intencional. Jogadores do Glorioso pediram a expulsão do defensor, que já tinha amarelo, mas o árbitro apenas sinalizou a falta. Em continuidade, aos 48′, Helerson, sozinho de frente para o gol, soltou uma bomba por cima e desperdiçou a chance da virada. Ademais, o Internacional teve 52% de posse de bola, enquanto o Botafogo chutou apenas uma vez a gol.

2° TEMPO

A partida se iniciou com modificações. Abel Braga trocou Rodinei e Lindoso por Heitor e Rodrigo Dourado. O empate não era confortável para nenhuma das equipes. Contudo, os visitantes mantiveram a posse de bola e armaram melhor as jogadas. Por conseguinte, aos 16′, Heitor recebeu pela direita e cruzou na área. Yuri Alberto desviou de cabeça e assustou Cavalieri. Sem rendimento, Bruno Nazário saiu para a entrada de Éber Bessa. Os ânimos estavam calmos até que Kevin, em lance bizarro, cobrou falta para trás e Yuri apareceu. O jogador, que tinha acabo de entrar, interceptou a cobrança e chutou para o gol. O árbitro, que estava de costas, precisou analisar o VAR para confirmar o gol da virada do Colorado.

A fim de dar agilidade ao time desmotivado, Barroca fez substituição dupla aos 30′. Warley e Zé Welison saíram para as entradas de Rhuan e Matheus Babi. Apesar das modificaçãões, o time do Botafogo não conseguiu se encontrar no jogo e pouco conseguiu se infiltrar. Contudo, um plantel entregue à derrota não poderia fazer diferente. Em síntese, com o resultado, o Alvinegro somou sua 7° derrota seguida, pior desempenho do clube na era dos pontos corridos.

E AGORA?

Com a derrota, o Botafogo permanece na vice lanterna da competição com 20 pontos, enquanto o Internacional ocupa a 5ª posição com 41 e se aproxima do G-4. Todavia, pela 26ª rodada, o Colorado enfrentará o Palmeiras, 4° colocado com a mesma pontuação. O duelo será no próximo sábado (19), às 21h (Horário de Brasília) no Estádio Beira Rio. Por outro lado, o Fogão terá confronto direto contra o Curitiba, 18° colocado com 21 pontos. A partida será no Estádio Couto Pereira no mesmo dia e horário.

Foto destaque: Reprodução/Internacinal/Twitter

Iara Alencar
Iara Alencar
Estudante de Jornalismo na Universidade Federal de Alagoas, apaixonada por esportes e com pretensão de alavancar na carreira de assessoria de comunicação ou imprensa, precisamente no âmbito esportivo (futebol de preferência). O objetivo é aperfeiçoar a construção dos textos, a fim de sair da zona de conforto dos gêneros que estou habituada a escrever (reportagens e artigos opinativos), além de abranger meus conhecimentos pessoais e profissionais. Tenho 23 anos, sou bastante comunicativa, perfeccionista em suas limitações e persistente em tudo o que faço.

Artigos Relacionados