Neste sábado (14) será iniciada a terceira rodada da Taça Rio do Campeonato Carioca 2020. O Flamengo recebe a Portuguesa no Maracanã as 18h (horário de Brasília).  A fim de chegar a liderança da tabela geral, o rubro-negro precisa vencer a partida e torcer para um tropeço do Fluminense na rodada. Por outro lado a Portuguesa sonha em surpreender para seguir na luta por uma vaga na fase final da Taça Rio.

Apesar de estarmos tendo sempre um bom público nos jogos do Flamengo no ano, esta rodada será diferente. Isso ocorre, uma vez que, devido a crise do Coronavírus, a FERJ decidiu que os jogos desse fim de semana no Rio ocorram sem torcida. Além disso, um dos vice presidente do Flamengo teve resultado positivo no teste do novo vírus e isso pode acabar se alastrando pro resto do clube. Alguns jornalistas chegaram a pedir o adiamento desta partida.

FLAMENGO

O Flamengo vem fazendo um Carioca 2020 quase perfeito. Depois de ter ganho a Taça Guanabara, o clube é o líder do seu grupo na Taça Rio e o favorito para vencer a competição. No entanto, para se campeão sem precisar de mais dois confrontos finais, o clube precisará ser campeão do segundo turno e ainda ser o primeiro colocado geral na classificação do Estadual. Atualmente, o primeiro colocado é o Fluminense com dois pontos a mais. Nesta rodada, o tricolor enfrenta o Vasco no clássico do fim de semana e o rubro-negro precisará torcer para um tropeço do seu rival, se quiser alcançar o posto mais alto já nesta rodada.

Não será desta vez que Jorge Jesus  colocará os 11 titulares no Campeonato Carioca. O técnico poupou 4 jogadores que nem entraram na lista de relacionados. São eles: Diego Alves, Filipe Luis, Thiago Maia e Gabriel Barbosa. Como resultado disso, os substitutos serão César, Renê, Willian Arão ( que é o titular) e Pedro. 

Escalação Provável: César; Rafinha, Rodrigo Caio, Leo Pereira e Renê; Willian Arão, Gerson, Everton Ribeiro e De Arrascaeta; Bruno Henrique e Pedro.

https://twitter.com/Flamengo/status/1238807771308580867

PORTUGUESA-RJ

A Portuguesa junto com Botafogo e Fluminense são os únicos três times que ainda não empataram no Estadual, todavia, o desempenho da lusa carioca é pior do que dos outros dois clubes. A equipe possui apenas três vitórias em oito jogos, entretanto, na Taça Rio, após vencer um jogo e perder o outro, a equipe ocupa a segunda colocação e sonha com a classificação para a próxima fase do segundo turno.

Para o confronto de hoje, nomes que surgiram na base do Flamengo e tiveram algum destaque farão parte do ataque titular e do banco. São eles Cafú e Nixon, o primeiro será titular e o segundo fará parte dos reservas. Além disso, o técnico Rogério Corrêa conseguirá escalar o mesmo time que venceu a Cabofriense na rodada passada por 4 x 1 fora de casa. Destaque do time é o atacante Adriano que tem 5 gols na competição.

Provável escalação: Milton Raphael; Luis Gustavo, Marcão, Dilsinho e Maicon Douglas; Diego Guerra, Henrique, Romarinho; Chay, Adriano e Cafu.

RETROSPECTO

Se olharmos para o retrospecto do duelo, de fato, o Flamengo é o soberano e tem mais de 90% de vitórias nos jogos. São 68 partidas desde 1935, com 63 vitórias rubro-negras e apenas 3 vitórias da lusa carioca. A última vitória da Portuguesa foi em 1985 quando venceu o Flamengo por 1 x 0, gol de Toninho aos 25 segundos. O rubro-negro tinha no time titular jogadores como Mozer, Leandro, Andrade e Tita remanescentes do time campeão mundial. Nesta década são 4 jogos e 4 vitórias do clube da Gávea.

APOSTA INDICADA

Como resultado do retrospecto e do andamento da temporada de ambas as equipes mais a disparidade técnica, o Flamengo é o favorito no jogo. A média de gols no confronto é de mais de 3,5 gols. Portanto a aposta indicada pelo Futebol na Veia é de mais de 3,5 gols na odd de 1,96 na BetWarrior. Uma entrada durante o jogo na vitória do Flamengo no primeiro tempo também é algo possível.

Odds: 1 (1,10) | x (8,50) | 2 (17.00)

Foto Destaque: Reprodução FNV

Yuri Murta
Estudante de jornalismo e geografia, apaixonado por futebol e por tudo que o cerca. Isso define quem é Yuri Lima Murta. O amor pelo esporte vem desde pequeno e o gosto por relacionar ele com outros temas vem desde o colégio, não atoa a minha monografia na faculdade de Geografia tem como tema a “Chapecoense e a cidade de Chapecó: Como o clube reflete a cidade”

Artigos Relacionados