Felipinho comemora volta aos gramados após lesão e comenta sobre a preparação do América-RN para a disputa do acesso

No último final de semana, o América-RN eliminou o Moto Club e se
classificou para as quartas de final da Série D do Brasileirão. O
lateral Felipinho, que se lesionou na primeira fase e estava sem jogar
desde 31 de julho, voltou a atuar nas duas partidas das oitavas de final
e ajudou a equipe a se classificar para a próxima fase.

“Minha lesão foi uma muito complicada e eu não sabia se iria voltar a
atuar pelo América, mas nunca deixei de acreditar. Então estar nesse
momento podendo ajudar a equipe é uma grande satisfação pra mim e quero
continuar contribuindo com a equipe nas próximas decisões.”

Na próxima fase, a equipe enfrentará o Campinense, decidindo fora de
casa, e caso elimine o time paraibano, conseguirá o acesso para a
terceira divisão nacional, maior meta da equipe na temporada. Dessa maneira, o primeiro
jogo será no próximo sábado, na Arena das Dunas.

Estamos totalmente focados em conseguir esse acesso, pois é o nosso
maior objetivo e será uma grande conquista para todos, tanto pro clube
quanto para os jogadores. O trabalho tá sendo o mesmo, com muita
humildade e muita dedicação. Vamos lutar pra deixar nossa marca no
clube.

Em suma, Felipinho tem apenas 23 anos e foi formado nas categorias de base do
América-MG. Assim, o lateral direito chegou ao clube após se destacar no
Campeonato Potiguar atuando pelo Globo. Bem como, onde conquistou a competição
desse ano, vencendo a final contra o ABC.

Foto Destaque: Divulgação / América-RN

Redação FNV