Em meio a luta contra o rebaixamento no Brasileirão Série A, o Sport vem colecionando baixas em seu elenco. Isso porque, desde que assumiu o comando técnico, Jair Ventura perdeu sete jogadores, entre dispensas e transferências, sendo a mais recente o meia Jonatan Gomez. Assim, nesta tarde, o Leão se viu surpreendido por outra saída, dessa vez em sua diretoria, já que o executivo de futebol, Lucas Drubscky, pediu demissão e está encaminhando transferência para o Bahia.

Logo, de acordo com o diretor de futebol do Sport, Wanderson Lacerda, a demissão de Lucas Druscky aconteceu devido a um convite do Bahia. A de se ressaltar que ambas as equipes brigam contra a queda e se enfrentam no próximo domingo (24), às 18h15 (horário de Brasília), pela 32ª rodada da Série A. Dessa forma, na reta final de sua participação na competição e em meio a campanha eleitoral, o Rubro-Negro ainda não decidiu se contratará outro executivo de futebol. Logo, o Leão recebeu a comunicação da decisão na noite desta quarta-feira (20) e o anúncio feito por meio de suas redes sociais.

Pela Série A, o Sport ainda entra em campo pela 31ª rodada, nesta quinta-feira (21), quando enfrenta o Corinthians, na Neo Quimica Arena, às 21h (horário de Brasília). Inclusive, Lucas Drubscky estava com a delegação que embarcou para São Paulo e já se despediu do elenco de jogadores.

LUCAS DRUBSCKY NO SPORT

Dessa forma, Lucas Drubscky encerra um período de dois anos à frente do cargo no Sport. Assim, ele chegou ao Leão para substituir Klauss Câmara, que havia se transferido para o Grêmio. À época, o Rubro-Negro atravessava uma política de redução de despesas com a chegada ao poder do presidente Milton Bivar. Atualmente, o mandatário está licenciado do cargo e, em seu lugar, o vice-presidente Carlos Frederico assumiu as funções.

Enquanto esteve a frente do futebol leonino, Lucas Drubscky foi campeão pernambucano e conquistou o acesso à Série A, ambos em 2019. No ano seguinte, as eliminações vexatórias no Campeonato Pernambucano, Copa do Brasil e Copa do Nordeste arranharam a imagem da diretoria. Além disso, as sucessivas contratações que não deram certo também ajudaram a prejudicar o trabalho realizado.

Foto Destaque: Reprodução / Anderson Stevens / Sport Club do Recife 

Ricardo do Amaral
Ricardo do Amaral
"Alvíssaras! Sou Ricardo Accioly Filho, pernambucano de 27 anos, advogado e estudante de jornalismo pela Uninassau. Tenho como mote que “no futebol, nunca serão apenas 11 contra 11”; é arte, é espetáculo, humanismo, tem poder de mover multidões e permitir ascensões sociais. Como paixão nacional do brasileiro, o futebol me acompanha desde cedo, entretanto como nunca tive habilidade para praticá-lo, busquei associar duas vertentes de minha vida: o prazer pela leitura e o esporte bretão. Foi nesse diapasão que encontrei no jornalismo esportivo o elo de ligação que me leva a difundir e informar o que, nas palavras de Steven Spielberg, é o “mais belo espetáculo de imagens que já vi”."

Artigos Relacionados