Everton Cebolinha fala em tom de despedida do Grêmio

Embora o treinador Jorge Jesus tenha sido apresentado nesses últimos dias ao Benfica, o comandante já chegou querendo demonstrar trabalho. Assim, o português já fez pedidos à diretoria por reforços para os Encarnados. De início, os nomes foram Bruno Henrique e Gerson, do seu ex-clube Flamengo, porém, o Rubro-Negro garantiu que ambos não irão sair. Desse modo, o novo alvo é Everton, do Grêmio, que já está muito próximo de acertar sua saída do Imortal Tricolor.

Na noite desta última quarta-feira (5), o Tricolor Gaúcho venceu o rival Internacional pelo placar de 2 x 0, válido pela final do segundo turno do Gauchão. Ademais, Everton mais uma vez esteve presente no ataque do time do sul, tendo como responsabilidade levantar o troféu por mais um título obtido. Também, de forma simbólica, Pedro Geromel e Maicon entregaram a faixa de capitão para o esportista, como uma forma de homenagem. Após isso, praticamente ficou confirmado sua transferência ao Glorioso.

“Faltam alguns detalhes, é situação bem avançada. Questões burocráticas, porcentagens. Se for ou não, só quero agradecer a esse clube. Último jogo, fechar com chave de ouro. Agradecer a oportunidade aos capitães de levantar essa taça. Sensação de dever cumprido, oito anos nesse clube. Pude honrar essa camisa. Cheguei com 16 anos, ganhei vários títulos. Muita gratidão. Agradecer ao carinho e aprendizado que tive aqui. Não nasci gremista, mas é um clube que vou levar para o resto da minha vida”, afirmou o atleta emocionado.

NEGOCIAÇÃO AVANÇADA

De acordo com Globoesporte.com, a negociação já está muito próxima de ser sacramentada.  A proposta enviada pelos Águias gira no valor de 22 milhões de euros (R$ 137,9 milhões). Uma reunião foi feita na terça-feira (4) entre os portugueses e os representantes do clube gaúcho, mas não houve um acordo. Todavia, as tratativas estão prosseguindo, e isso se encaminha para que o negócio seja fechado o quanto antes.

CRÍTICAS AO COMANDANTE

Apesar de que as conversas estão sendo bem realizadas, o técnico Renato Gaúcho deu seu pitaco sobre a possível perda de seu principal jogador dos últimos anos, alfinetando Jorge Jesus. Essa não foi a primeira vez que houve crítica por parte de Renato, visto que anteriormente foi feito um comentário em decorrência da tamanha valorização por parte da imprensa em relação ao trabalho do Mister no Mengão.

“A coisa que me aborreceu a mim e ao presidente foi Jorge Jesus ter telefonado ao jogador. Não é normal porque ligou para o jogador, falou com o jogador, fez a cabeça do jogador”, afirmou o comandante do Rei de Copas.

Além disso, Romildo Bolzan Junior, presidente do plantel, também aproveitou para demonstrar sua opinião em relação ao que está acontecendo, também deixando suas críticas pela postura que Jesus está tendo diante desta negociação.

“Falaram que o Jorge Jesus falou com o Éverton, achei uma deselegância. Mas faz parte do jogo, eu reconheço que faz parte do jogo”, comentou, completando que irá manter sua posição na negociação.

“Se tiver interesse em fazer o negócio, vamos lá. Chegando ao valor que pedimos, fazemos o negócio”, terminou Romildo.

NÚMEROS

Desde 2014 na equipe profissional, Cebolinha sempre foi protagonista. Em 274 partidas realizadas, o esportista anotou 69 gols. Falando de títulos, há na bagagem Campeonato Gaúcho, Copa do Brasil e claro, a conquista da Libertadores sobre o Lanús, em 2017. Em conclusão, os torcedores irão sentir muito sua ausência, pois mesmo seu rendimento não ter sido o mesmo em alguns jogos, seu desempenho sempre foi fundamental.

https://twitter.com/tlazulgremista/status/1291370003913154564?s=20

Foto destaque: Reprodução/Lucas Uebel/Grêmio FBPA

Avatar
Lucas de Lima Barão
Atualmente, estou no 6º semestre de jornalismo pela Universidade Nove de Julho. Tenho vontade de trabalhar com jornalismo esportivo, entretanto, não descarto abrir portas para outros caminhos. Ganhei um prêmio de melhor trabalho jornalístico no 5 semestre, onde meu grupo e eu produzimos um site. Estou em busca de encontrar oportunidades no mercado de trabalho.

Artigos Relacionados