Eto’o marca para os dois lados e “Come – Fogo” termina empatado.

O camaronês Samuel Eto’o brilhou no “Come – Fogo” disputado na noite desta terça-feira, no Estádio Santa Cruz, em Ribeirão Preto, interior de São Paulo. O jogador atuou 40 minutos com a camisa do Comercial e outros 50 com a do Botafogo – SP, e não decepcionou, marcou um gol pelo alvinegro e dois para o tricolor. O jogador foi convidado através de uma ação da rede social Twitter.

Pouco mais de 3 mil pessoas acompanharam o jogo festivo que também contou com a presença de garotos da base e eternos ídolos das agremiações, como Raí, Lucas e Boaideiro do lado tricolor; Mauricinho, Vagner Mancini e Rogerinho, no Comercial. Público pequeno, mas que com certeza saiu satisfeito do estádio. Demorou dez minutos para tocar na bola, mas quando tocou, Eto’o assustou o goleiro Talles, em chute de fora da área.

Raí é quem estava roubando a cena. O ídolo tricolor deu um passe genial de calcanhar, relembrando seu irmão Sócrates, e deixou Paulinho na cara do gol, porém ele não aproveitou. Deste lance surgiu um escanteio, cobrado por Raí. Mayc tocou para Túlio Souza que tentou o cruzamento, mas bola foi direto para o gol de Cezar: 1 a 0.

O camaronês só voltou a tocar na bola aos 39 minutos, no último minuto em que vestia a camisa do Bafo, quando recebeu um passe de Vagner Mancini e igualou o marcador.

Do lado tricolor, Eto’o viu o zagueiro Gaspar, sozinho na pequena área, virar o clássico, após cobrança de escanteio. A partir daí, o jogo ficou mais pegado, a rivalidade tomou o espaço do jogo festivo, e a grande estrela da noite achou Souza livre na área, que foi derrubado. Pênalti! Eto’o cobrou com categoria e empatou a partida. Não demorou muito e Acleisson, outro convidado, marcou um belo gol de falta, colocando os alvinegros novamente em vantagem. Porém, aos 39 minutos, Boiadeiro fez um bonito lançamento para Eto’o, que não desperdiçou a chance, e igualou o marcador: 3 a 3.

Com três gols, o camaronês conseguiu alegrar as duas torcidas em um dos clássicos de maior rivalidade do interior paulista. Raí, mostrou um grande futebol, relembrando os velhos tempos. A garotada também agradou não se intimidaram com a presença do africano de 34 anos, e mostraram muita disposição, eles que jogarão a Copa São Paulo de Futebol Júnior, em janeiro. Mais um capítulo do “Come – Fogo”, que certamente não será apagado da memória.

Eto’o marcou gols com as duas camisas, e não decepcionou o público presente.

Foto: Gazeta Press.

Avatar
Thiago Caetano Paiva
Estudante de Jornalismo na Universidade de Mogi das Cruzes (UMC), 21 anos, de puro amor ao futebol.

Artigos Relacionados

Topo