O Sindicato de Atletas de SP apresentou sua segunda edição do curso de Monitor Esportivo. Neste ano, o conteúdo foi de forma online, devido à pandemia da Covid-19. Mesmo assim, o evento recebeu cerca de 100 inscritos, com participantes de todo Brasil e até de outros países. Em suma experiência foi variada. Isto porque vários aspectos.

O primeiro módulo teve início no dia 23 de novembro e foi encerrado em 27 do mesmo mês. O segundo, por outro lado,  foi realizado entre os dias 7 e 11 de dezembro. A saber, o curso contou com carga horária total de 28 horas/aulas. Além disso, soma-se os conteúdos extras no módulo II.

Temas abordados no curso

O curso teve abertura do presidente do sindicato, Rinaldo Martorelli. Ele falou aos participantes sobre a importância de se qualificar. Os módulos I e II contemplaram assuntos de aspectos sociais  com ensinamentos sobre direito, carreira, assédio sexual. Ademais tratou de conteúdos metodológicos como formação de treinador, categorias de base, análise de desempenho no futebol, categoria de base e o jogo do futebol feminino. Por fim, outros assuntos pertinentes à categoria foram debatidos.

Participação de ex-atletas

Ao final de cada módulo, os participantes responderam questões sobre o conteúdo apresentado. O certificado foi disponibilizado para quem teve frequência mínima de 75% de participação.
O ex-jogador Renatinho, que defendeu as cores do Bragantino, além de outros clubes falou sobre o curso. Conforme ele, a instituição acertou em fazer a segunda edição do curso.

De acordo com ele, o evento é primeiramente para os profissionais que ainda estão jogando profissionalmente. Mas também  para ex-atletas que já se aposentaram dos gramados. Porém que ainda assim desejam continuar no esporte.

“Foi uma semana riquíssima. Pois havia profissionais acima da média, que agregaram mais conhecimento à minha carreira profissional. Estou muito feliz com essa oportunidade. Para quem é atleta e ainda não tem uma visão do que fazer, vai lá e procura o pessoal do sindicato. A entidade possui uma equipe altamente qualificada para atender a todos. Se você ainda não conhece a instituição, procure o time do sindicato e faça parte desta equipe maravilhosa”, disse o ex-atleta.

Romeu Romão, ex- Ponte Preta e Botafogo, elogiou, pois agora é possível ver até fora do Brasil

“O sindicato nos ajuda com a capacitação durante e após a carreira. E, mesmo estando fora do país, é possível realizar os cursos nas plataformas digitais.”

Jackson Lima já atuou pelo Rio Preto no Brasil, Hibernians e Marsa, dentre outros, em Malta. Assim como Romeu, parabeniza o sindicato e todos os professores pelo conteúdo apresentado. Isto pois serviu com reaproximação com  o Brasil

“Para mim, que estou fora do país há 11 anos, o curso foi de extrema importância depois da minha carreira”.

“O curso veio em boa hora. Há algum tempo, eu esperava realizar. Agora, tive a oportunidade.” Afirma por último o ex atleta, Eduardo Gama.

Troca de experiências e divisão de conhecimento no curso

O professor AgnaldoRomeu Romão Vignati foi um dos destaques. Isto pois  possui experiência em comando de equipes de futebol/futsal. Tanto quanto na área técnica como em gestão. De acordo com ele, foi uma honra contribuir novamente com o curso.

“É sempre importante dividir conhecimento. Já que é uma troca de experiências que temos com os atletas. O sindicato está de parabéns por proporcionar à categoria respostas a questões dentro e fora das quatro linhas”.

Em suma, o sindicato de atletas tem como premissa defender os interesses da categoria. Além disso preza, acima de tudo, promover uma educação direcionada a todos os âmbitos. Seja na vida profissional quanto pessoal.

Conteúdo  dos módulos

Sendo assim, confira agora os profissionais e conteúdos de cada módulo. Primeiramente, o Módulo I apresentou temas de múltiplas áreas. Ademais com professores internacionais.

– A Garantia e Proteção dos Direitos da Criança e do Adolescente no Esporte- Silvana Trevisa (Assistente Social Pioneira no Futebol. Atuou no CA Juventus, SC Corinthians, Santos e Sindicato de Atletas de SP);
– O Assédio Sexual no Esporte Alexandre Montrimax (Ex -Atleta e Palestrante); Em seguida
-Direito no Futebol de Formação -DR. Guilherme Tavares Martorelli (Mestre em Direito Despostivo pela Universidade de Lérida- Espanha);
– Direcionamento na Carreira de Treinador de Futebol – Prof. Emilio Miranda (Ex Coordenador Red Bull e diretor da Cepeusp);
-Processos Metodológicos e Pedagógicos – Prof Agnaldo Vignati (Lic A e B – CBF- Instrutor CBE e Fooco Br);
– Aspectos técnicos e táticos aplicados ao treinamento – Prof. Bebeto Stival (Ex Coordenador base do Santos FC, coordenador técnico da Fooco-BR e CBE);
– Futsal e Fut Society – Aspectos Técnicos e Táticos Aplicados ao treinamento da base – Prof. Marco Antônio “Batata” – (Técnico da Sel. Brasileira FUT7).

Segundo Módulo

Em seguida, o Módulo II também foi variado. Assim como o anterior :

– Formação Específica do treinador/PROFESSOR – Prof. Jeferson J. do Valle (Diretor da JJVALLE); Em seguida
– Formação Específica da Metodologia do Treinamento – Prof. Bebeto Stival (Ex Coordenador de Base do Santos FC); Logo depois
– Dimensões da formação nas categorias de base – Conteúdos da Categoria Sub 8 a Sub 11 – Prof. Fernando Milaré (Licença B –CBE/ Auxiliar Técnico sub 20- E.C Água Santa); Seguido de
– Conteúdos da Categoria sub 13 a Sub 15 – Prof. Orlando Ribeiro (Treinador SPFC – cat. sub 20);
– Análise de desempenho no futebol, trabalhando de forma integrada (Onde? Por quê Como?) Prof. Fernando Soares – Analista de Desempenho Profissional
O jogo Feminino de Futebol– Prof. Débora Ventura (Licença Pro CBF/ Treinadora do Centro Olímpico); E para finalizar
O Goleiro – Prof. Júlio Cesar Bonfim (Treinador de Goleiros Expressão Paulista, Treinador de Goleiros por 10 anos nas Cats. de Base do SCCP).

Foto Destaque: Reprodução/Edição

Avatar
Redação FNV

Artigos Relacionados