O Cuiabá venceu o Tigrão em casa no jogo de ida das quartas de final da Copa Verde. O duelo foi transmitido pela TV Brasil. Antes de mais nada, o único gol da partida ocorreu no 2º tempo. Elton marcou o ponto, de pênalti, aos 11 minutos. O Dourado jogou de forma superior. Em outras palavras, o time mato-grossense criou mais oportunidades e estava mais sincronizado em campo. O Vila Nova tentou atrapalhar estratégias do Auriverde. Contudo, não impediu a vitória do bicampeão.

1º TEMPO

Aos 16 minutos do 1º tempo, o Cuiabá começou a criar chances de finalizações efetivas. No minuto 41, quase abriu o placar. Nesse interim, Maxwell invadiu a área, cortou o zagueiro e bateu cruzado. Como resultado, a primeira parte da partida foi finalizada com 46 minutos. Em síntese, o Dourado teve duas chances de marcar gol. Todavia, permaneceu empatado com o Vila.

2º TEMPO

No 2º tempo, o Auriverde chegou mais aceso e focado. Aos 9 minutos, Felipe Marques foi derrubado pelo goleiro. Ou seja, pênalti marcado. Assim, Elton bateu marcou o gol, no minuto 11. Logo depois, o Tigrão tentou dominar o jogo. Entretanto, o Dourado tomou as rédeas novamente. Pouco depois da metade, Rikelme substituiu Elvis. Aos 45, teve acréscimo de cinco minutos. Sem mais gols.

CUIABÁ X VILA NOVA – E AGORA?

Assim, a partida na Arena Pantanal foi encerrada, e Cuiabá venceu o Vila. Vitória magra, mas foi um triunfo. Mesmo se empatar, o time de Franco Muller avança para a semifinal. Em outras palavras, o Dourado tem mais chance de seguir vivo na briga pelo tricampeonato da Copa Verde. O jogo está próximo, e o clube, confiante. O duelo de volta acontece na segunda-feira (8) em Goiânia.

MELHORES MOMENTOS – CUIABÁ X VILA NOVA

Em entrevista pós-jogo, o técnico interino Muller disse que a vitória, apesar de magra e de alguns sustos, a equipe teve maior posse de bola e chance de gol. “Agora vamos para o 2º jogo sacramentar nossa classificação”, complementa. Além disso, ele cita que o importante foi o time fazer o ponto. “Agora é descansar bastante e ir pra Goiânia. Descansar pra trazer a classificação de lá”, falou.

Franco ainda comenta foi um jogo pesado e que os atletas escalados deram o melhor. Para ele, a junção dos jogadores experientes com os da base trouxe equilíbrio. Por fim, disse que o jogo em Goiânia será difícil. “Pé no chão, tem que marcar bastante. Tentar anular o ponto positivo deles. E fazer com que nosso ponto positivo, a qualidade dos nossos jogadores nos traga a vitória”, finaliza.

Foto destaque: Reprodução/AssCom Dourado

Carolina Vieira
Carolina Vieira
Sou, de certa forma, recente amante do jornalismo. Contudo, é um sentimento que levarei por toda a minha vida. Desta forma, sei que há muitos jornalistas renomados e com mais conhecimento do que eu. Em contrapartida, digo, com firmeza, que o mais importante é a determinação de alcançar objetivos, sonhos e lugares que muitos pensam serem impossíveis de chegar. Em outras palavras, confirmo, com convicção, que posso não ter o conhecimento e a prática que muitos têm, todavia eu tenho o foco, a vontade de aprender, de crescer, de atribuir valor a qualquer empresa, o “sangue nos olhos” e a determinação de sempre seguir em frente. O “não” eu tenho, mas estou aqui para conquistar o tão sonhado “sim”!!!! De fato, meu maior objetivo é apresentar algum programa de TV. Entretanto, eu sou apaixonada por todos os âmbitos e profissões que compõem o jornalismo.