Coritiba conhece seus adversários na Copa São Paulo de Futebol Júnior 2022 

O Coritiba conheceu seus adversários na próxima edição da Copa São Paulo de Futebol Júnior. Assim, nesta segunda-feira (13), foram sorteados e definidos os clubes e grupos participantes. Ao todo, a Copinha 2022 será disputada do dia 2 ao 25 de janeiro, essa última representa o aniversário da cidade de São Paulo.

Logo, ficou definido 32 grupos de quatro clubes cada, divididos pela capital e interior do Estados. Desse modo, 128 clubes disputarão o torneio, que não aconteceu em 2021 devido a pandemia da Covid-19. O Coxa vai disputar seus jogos no campo do Nacional. 

Veja abaixo o grupo do Coritiba: 

  • Nacional (SP) 
  • Capivariano (SP) 
  • Real Brasília (DF) 

A princípio, criada em 1969, a Copa São Paulo de Futebol Junior se tornou uma das mais tradicionais competições de base do Brasil. Assim, desde 1971, a competição deixou de ser regional e recebe clubes de todo o país. Logo, a primeira participação do Coritiba aconteceu no ano da liberação.

Porém, foi recentemente que o clube teve suas melhores campanhas e um trabalho feito voltado a formação de atletas. Dessa forma, o Coxa voltou a figurar de maneira constante na Copinha a partir de 1997. Vale dizer, que o Verdão é o atual campeão da Copa do Brasil Sub-20 e boa parte do elenco vai disputar o torneio. A melhor campanha do clube foi em 2004, quando chegou as semifinais, antes disso havia alcançado no máximo as quartas de final em 2006 e 2011.

Por fim, na primeira fase, os times se enfrentam dentro de cada grupo em turno único. Desse modo, os dois melhores de cada chave avançam de fase. A partir daí, todos as partidas são no sistema mata-mata. Sendo assim, a final está marcada para o dia 25 de janeiro.  

Veja abaixo curiosidades do Coxa na Copinha:

  • Em 2004, a base do time era formada por jogadores como o zagueiro Miranda, o lateral-direito Rafinha e o lateral-esquerdo Ricardinho;

 

  • Na campanha de 2006, o Alviverde revelou nomes importantes, como o zagueiro Henrique e outros atletas que fizeram parte do profissional posteriormente: Wanderson, Pedro Ken, Dirceu, Marlos e Keirrison. Esse último foi vice-artilheiro da Copinha, com 8 gols marcados.

Foto destaque: Divulgação/FPF

Cristian Moraes
Estudante de jornalismo que sonha em trabalhar nos maiores eventos esportivos do mundo. E, assim, ser referência na área. Meu principal objetivo é ser correspondente internacional em Turim ou Londres. Sou fascinado por futebol, e como o esporte influencia às pessoas, e o mundo. Não me limito apenas a assistir, mas a consumir em sua totalidade, estudando e entendendo regras, conceitos, histórias e tudo que envolve o mundo das quatro linhas. No entanto, gosto de acompanhar outras modalidades, como: Basquete, Surf, Futebol Americano, Hóquei, Tênis, dentre tantas outras. Junto isso, tenho o amor pela leitura e a escrita como minhas aliadas na hora de passar para os meus textos, todas as sensações e emoções que estou sentindo, ao lado de informações relevantes com apuração precisa. Seja bem-vindo (a)!