Corinthians

Embora a realidade ainda não esteja agradável, o Corinthians conseguiu pagar dois meses de salários atrasados. Dessa forma, o Timão depositou nesta última terça-feira (8), os valores dos jogadores, e pretende quitar tudo até o dia 15. Vale ressaltar que os salários deveriam ter sido pagos desde maio. Em entrevista coletiva, o meia Ramiro afirmou que a diretoria vem dialogando para solucionar acordos com os jogadores.

“É um assunto delicado, a gente sabe que ninguém gosta de ter salário atrasado, e não deve ter porque trabalha sempre no dia a dia, em qualquer profissão. A gente entende e vem conversando com a diretoria pela situação que o mundo vive. O clube com receita reduzida, temos tratado de forma interna, de homem pra homem, olho no olho. Sempre transparentes para deixar tudo alinhado e voltar à normalidade o mais rápido possível”

A princípio, o valor do mês cinco sofreu uma redução de 25% devido a pandemia do novo coronavírus. De antemão, os jogadores também estão aguardando o pagamento das férias de dezembro que ainda não foi acertado. Contudo, o pagamento gera um conforto para o Corinthians, reforçando a permanência dos jogadores no elenco.  Em nota, na última terça-feira, os jogadores do timão vieram a público para desmentir uma suposta greve referente ao atraso dos salários.

CORINTHIANS

Primeiramente, o Timão conseguiu uma boa renda com a venda do meia-atacante Pedrinho por 20 milhões de euros. Do mesmo modo, tem as vendas de Gustagol e André Luís. Em suma, com a venda do estádio, o Corinthians terá mais facilidade na administração de seu setor financeiro. Dessa forma, poderá pensar em bons reforços para futuras temporadas, aumentando opções em seu banco de reservas. Afinal, torcedores não estão confiantes com o elenco, e temem por jogos futuros.

 

Foto Destaque: Reprodução/Daniel Augusto Jr./Ag. Corinthians

Avatar
Thiago Lopes Barboza
Escolhi o jornalismo porque me identifiquei com a amplitude de áreas que podemos trabalhar, além de formar opiniões e transmitir informações com clareza e coerência, sou extremamente apaixonado pelo jornalismo esportivo, fotografia, produção/audiovisual/videomaker, fazer reportagem, matérias entre outros... já fui editor de vídeo pra internet, recebi um certificado de melhor projeto profissional acadêmico de 2020 e pretendo fazer do jornalismo cada vez mais presente em minha vida.

Artigos Relacionados