Alguns dos jogadores revelados pelas categorias de base no Brasil (Foto Destaque: Divulgação/Olimpíada Todo Dia)

A coluna Dicionário do Futebol desta semana explica sobre as categorias de base no Brasil. Desde seu objetivo até suas divisões e campeonatos, esclareceremos as origens dos também conhecidos como “juniores”. As categorias de base são a prática esportiva realizada por crianças e adolescentes dentro de uma agremiação. Portanto, são regularizadas por um clube, tendo como principal objetivo a formação de novos jogadores para a disputa de futuras competições profissionais.

ORIGEM E OBJETIVO

Em suma, as categorias surgiram em 1966 devido à crise futebolística instalada na Copa do Mundo do mesmo ano. Desse modo, revelaram-se por conta da necessidade do nascimento e formação de novos atletas para os clubes.

Sendo assim, têm como objetivo fazer com que atletas aprendam, desde cedo, todos os fundamentos do futebol de modo que, quando chegarem à carreira profissional, isso seja automático e natural. Além disso, o trabalho é evoluído do individual para os subgrupos e depois para o coletivo.

DIVISÕES

As categorias de base são divididas de acordo com a idade máxima permitida dos jogadores, sendo elas:

  • Sub-7: para atletas de seis e sete anos;
  • Sub-8: para atletas de oito anos;
  • Sub-9: para atletas de oito e nove anos;
  • Sub-11: para atletas de 10 e 11 anos;
  • Sub-13: para atletas de 12 e 13 anos;
  • Sub-15: para atletas de 14 e 15 anos;
  • Sub-17: para atletas de 16 e 17 anos;
  • Sub-20: para atletas de 18, 19 e 20 anos;
  • Sub-23: para atletas de 21, 22 e 23 anos.

TIMES B E OS ASPIRANTES

Muitos jogadores que acabaram de sair das categorias de base não possuem experiência profissional suficiente para entrar em uma equipe profissional. Sendo assim, acabam indo, em seus respectivos clubes, para os chamados times B.

Por outro lado, existem também os chamados Aspirantes. Composto pelos jogadores do Sub-23, eles possuem uma competição exclusiva para essa categoria. Dessa forma, desde 2010, a Confederação Brasileira de Futebol (CBF) organizou o Campeonato Brasileiro de Aspirantes. Nele são aceitos atletas com idade limite de 23 anos, com exceções para três vagas e um goleiro.

COMPETIÇÕES E A COPA SÃO PAULO DE FUTEBOL JÚNIOR

Cada competição possui sua própria categoria de base. Desse modo, alguns exemplos são os Campeonatos Brasileiros masculinos sub-20 e sub-17, além dos femininos sub-16 e sub-18.

Além disso, a Copa São Paulo de Futebol Júnior também é, se não, a competição mais conhecida da base. Também chamada de “Copinha”, a disputa anual traz como destaque os jogadores do sub-20 de todo o país. Nela, muitos jovens atletas têm suas portas abertas para o futebol profissional a partir de sua atuação. Por fim, além de Neymar, são exemplos de jogadores que se destacaram na competição: Cafu, Casemiro, Rogério Ceni, Kaká e Gabriel Jesus.

https://twitter.com/Copinha/status/1271850113535807490?s=20

Foto Destaque: Divulgação/Olimpíada Todo Dia

Avatar
Katherine Almendra
A comunicação é o que me move. Transmitir informações, principalmente do esporte, que é uma de minhas grandes paixões, é gratificante. Já participei de projetos audiovisuais trabalhando na área de produção, assim como fui embaixadora voluntária do projeto Jogadelas. Meu principal objetivo é comunicar, transmitindo informações com clareza e coesão às pessoas.

Artigos Relacionados