No último sábado (5), começou a segunda fase do Campeonato Brasileiro Série D 2020. Dessa forma, pelo jogo de ida, o Cascavel venceu o Grêmio Novorizontino por 1 x 0, no Estádio Arnaldo Busato, no Paraná. Por outro lado, Marcílio Dias e Ferroviária ficaram no empate por 0 x 0,  no Gigantão das Avenidas, em Santa Catarina. Assim também, o confronto entre Cabofriense e São Luiz terminou empatado por 1 x 1, no Correão, em Cabo Frio.

Com os resultados das três partidas, o Aurinegro joga por um empate no jogo de volta para garantir a vaga na próxima fase. Já a equipe paulista terá que reverter o placar e vencer por dois gols de diferença.  Já no duelo entre o Marinheiro e a Locomotiva quem vencer fica com a classificação. Da mesma forma, quem sair vitorioso do confronto entre o Tricolor Praiano e Alvirrubro se garante na etapa seguinte. Por fim, em caso de nova igualdade, a decisão será nos pênaltis.

BRASILEIRÃO SÉRIE D – SEGUNDA FASE – JOGO DE IDA

FC Cascavel 1 x 0 Grêmio Novorizontino

A partida começou com o Cascavel tendo mais posse de bola, porém quem teve a primeira chance foi o Tigre. Aos oito minutos, Léo Baiano recebeu na entrada da área e bateu cruzado, mas o goleiro Ricardo fez boa defesa. Já os paranaenses tinham dificuldades de criar lances de perigo à meta adversária. Já na etapa final, o panorama do jogo mudou e as duas equipes foram para o ataque em busca da vitória. Assim, aos três, Guilherme Queiroz  recebeu na área e mandou para o fundo das redes, mas o auxiliar anulou o gol dos paulistas ao ver impedimento no início da jogada.

Logo depois, o arqueiro Aurinegro perdeu a bola, Doma tocou para o camisa 9 do time, que finalizou e zaga do Cascavel salvou em cima da linha. Em seguida, Barba pegou de fora e obrigou Ricardo a fazer grande defesa e salvar a equipe do Paraná. Posteriormente, Libano recebeu ótimo passe e bateu forte, mas Vinicius fez boa interceptação. Aos 17´, em contra-ataque, Léo Itaperuna recebeu cara a cara com o gol, mas foi derrubado pelo arqueiro adversário, que acabou expulso no lance. Mesmo com um a mais, a equipe da casa teve dificuldades de criar as jogadas. Entretanto, nos acréscimos, o árbitro marcou pênalti após ver toque de mão na área. Bem como,  Paulo Baya foi para cobrança e deu a vitória ao Cascavel.

Marcílio Dias 0 x 0 Ferroviária

Os 45 minutos iniciais foram com mais oportunidades para a Ferrinha. Assim, a equipe paulista teve algumas chances, mas pecou nas finalizações. Entretanto, na hora que acertou o chute, o gol marcado por Mateus foi anulado pela arbitragem, que parou o lance ao flagrar o jogador em posição irregular. Já no segundo tempo, os visitantes voltaram pressionando em busca da vitória. Logo aos 13´, Tony recebeu na área e bateu firma, mas Júnior fez a defesa. Logo depois, Anderson Rosa ficou cara a cara com o gol, mas acabou parando no goleiro catarinense. Assim, apesar das boas chegadas de ambas as equipes, o placar não saiu do zero.

Cabofriense 1 x 1 São Luiz

A partida em Cabo Frio começou agitada, com gol logo no início. Aos três, Hugo aproveitou o rebote da zaga e abriu o placar para o São Luiz. Em desvantagem, a Cabofriense foi para cima. Aos 22´, Natan recebeu passe na pequena área, deu leve desvio e o goleiro Rafael salvou o Alvirrubro. Já no fim da primeira etapa, Feitosa recebeu passe na segunda trave e finalizou mal. Após as tentativas, o gol de empate saiu no segundo tempo com Feitosa, que aproveitou cruzamento de escanteio na primeira trave e deixou tudo igual no Rio de Janeiro. Assim, no último minuto de jogo, os visitantes quase ficaram na frente do placar novamente em um chute de Jhonatan, mas Geroge mandou para escanteio.

Foto destaque: Felipe Fachini / FC Cascavel

Matheus Vinicius
Matheus Vinicius
A minha paixão pelo futebol me levou ao jornalismo. Já atuei em Assessoria de Imprensa e atualmente trabalho com marketing de conteúdo. Tenho o objetivo de trabalhar diretamente com o futebol, sendo setorista de um time ou na produção de conteúdo audiovisual. Com 22 anos tenho muita coisa para aprender ainda e tenho certeza que aqui no Futebol na Veia irei crescer muito.

Artigos Relacionados