Barbieri lamenta má fase no Brasileiro, mas diz que não há motivos para grandes preocupações

Na noite dessa última quarta-feira (10), a equipe do técnico Mauricio Barbieri foi até a Baixada jogar contra o Santos, onde saiu derrotado por 2 x 0. Assim, o Massa Bruta chega ao seu 3º jogo seguido com derrota. Vale lembrar que o RB Bragantino já vem de resultados negativos diante de Cuiabá e Athletico-PR, respectivamente.

Confira os melhores momentos da partida

Coletiva de Barbieri

Em suma, na coletiva pós-jogo, o técnico Maurício afirmou que o foco do Massa Bruta na competição é de se firmar no G4, para conquistar uma vaga direta na fase de grupos da Libertadores. Além disso, o treinador avaliou como negativo o desempenho da equipe:

 “Faltou um pouco mais de tranquilidade para elaborar melhor e definir um pouquinho melhor as jogadas. Em alguns momentos a gente quis elaborar demais e perdeu a chance”, concluiu Maurício.

O treinador ainda foi questionado sobre o atual momento do Toro Loko na competição. No entanto, o técnico não vê isso como algo de grande proporção:

“Acho que é algo até previsto, natural de acontecer”, respondeu.

Para encerrar, Maurício ainda foi questionado sobre as alterações que fez no decorrer da partida. Um dos nomes mais perguntados foi de Helinho, que, segundo o técnico, não sentiu nenhum desconforto e foi substituído apenas por opção técnica. Além disso, na visão do treinador, os jogadores estão voltados para a grande decisão no dia 20, a final da Sul-Americana, contra o Furacão.

Próximo jogo do RB Bragantino

Por fim, o Massa Bruta volta a campo no próximo sábado (13), contra o Fortaleza, o atual 4º colocado no Brasileirão, às 19h (horário de Brasília), no Estádio Nabizão. Assim, vale ressaltar que essa partida é um confronto direto por uma vaga no G4, que é composto por Atlético-MG, Palmeiras, Flamengo e pelo próprio Tricolor.

Foto destaque: Divulgação/Ari Ferreira/RB Bragantino

Enzo Pires
Tenho o sonho de trabalhar com o que eu mais amo, que é o FUTEBOL. Amante desse esporte desde criança, queria ser jogador, mas como não deu certo, agora eu busco trabalho com isso, só que fora de campo.