Barbieri demonstra confiança em seus jogadores

Em resumo, após derrota, por 4 x 3,  para o Atlético-MG, o técnico Maurício Barbieri concedeu entrevista coletiva e comentou sobre a próxima partida, essa que pode definir a vida do RB Bragantino na Libertadores da América de 2022.

Assim, precisando vencer o Internacional e sonhar com uma soma de resultados, o Massa Bruta ainda tem chances matemáticas de garantir vaga direta para a fase de grupos da maior competição continental da América do Sul.

Assista aos melhores momentos de Atlético-MG 4 x 3 Bragantino

Coletiva de Maurício Barbieri

Em suma, Toro Loko deixou a chances de vaga direta para Libertadores para a última rodada do Brasileirão Série A. Com isso, depois da partida, Barbieri comentou um pouco sobre a próxima partida.

“(A torcida) Pode esperar muita dedicação, entrega, do início ao final. Eu acho que é uma temporada consecutiva, uma sequência de jogos muito grande. Acho que isso possa estar pesando um pouquinho, mas está pesando para todo mundo. Agora é colocar a cabeça no lugar e focar para fazer um grande jogo contra o Inter”, disse o comandante.

Outra coisa que foi questionado para o técnico do Braga foi sobre a partida decisiva contra o Internacional e como que ele consegue trabalhar o psicológico de seus jogadores

“Eu acho que de maneira natural. É um grupo de jogadores qualificados que buscam seu espaço. […] a ideia é usar esses três dias de preparação. Tenho certeza que a equipe chegará pronta, para a gente fazer um grande jogo e buscar a qualificação”, disso o professor.

 Detalhes de RB Bragantino x Internacional

Por fim, o Massa Bruta encerra sua participação no Campeonato Brasileiro contra o Internacional. A princípio, o jogo acontece no Nabizão, na próxima quinta-feira (9), às 21h30 (horário de Brasília). Além disso, vale ressaltar que essa partida é de extrema importância para o Braga.

Foto destaque: Divulgação/Ari Ferreira/ Red Bull Bragantino

Enzo Pires
Tenho o sonho de trabalhar com o que eu mais amo, que é o FUTEBOL. Amante desse esporte desde criança, queria ser jogador, mas como não deu certo, agora eu busco trabalho com isso, só que fora de campo.