Bahia vende ingressos simbólicos para final do Brasileirão de 88

Neste domingo (17), para deleite do torcedor do de 1988. O mesmo vai ao ar a partir das 16h (horário de Brasília). Aliás, a transmissão será exclusiva para o estado baiano através da TV Bahia (Globo).

A segunda partida aconteceu no domingo, 19 de fevereiro de 1988, e o palco do confronto entre Tricolores e Colorados foi o estádio do Beira-Rio, em Porto Alegre. Logo, com a vitória no jogo de ida por 2 x 1, o Tricolor chegava ao sul com a faca e queijo na mão. Assim sendo, o jogo terminou em 0 x 0. Com isso, o Bahia se sagrou bicampeão do Brasileirão, após 30 anos da conquista do seu primeiro título nacional diante do Santos de Pelé, em 1959.

Com o intuito de movimentar os mais novos e os saudosos, o Bahia resolveu recriar a promoção que realizou há dias atrás, na reprise da semifinal com o Fluminense. Trata-se da venda de ingressos simbólicos no valor de R$ 5 reais, onde o comprador receberá  uma réplica do ticket com seu nome.

Entretanto, a arrecadação será revertida para o programa ‘Dignidade aos ídolos', que visa auxiliar os ex-atletas do Esquadrão de Aço. Ao mesmo tempo que realiza uma ação social, concederá cupons de descontos aos participantes. Antecipadamente, os ingressos podem ser adquiridos através do aplicativo do clube ‘BBMP', na seção cupons. Vale lembrar que, na ocasião, mil torcedores tricolores estiveram nas arquibancadas do estádio gaúcho.

Confira abaixo as escalações dos times:

Internacional x Bahia

Mandante: Taffarel, Luís Carlos Winck, Aguirregaray, Norton, Casemiro Mior, Norberto, Luís Fernando Flores, Luís Carlos Martins, Maurício, Nílson, Edu Lima e Diego Aguirre. Técnico: Abel Braga.

Visitante: Ronaldo, Tarantini, João Marcelo, Claudir, Newmar, Paulo Robson, Paulo Rodrigues, Gil Sergipano, Bobô, Zé Carlos, Charles Fabian e Marquinhos. Técnico: Evaristo de Macedo.

Foto destaque: Reprodução/Divulgação/EC Bahia

Tata Marx
Na verdade, não fui eu que escolhi o jornalismo e sim ele que me escolheu. Sem dúvidas, a profissão é como um oceano que precisa ser desvendado na sua profundeza, só assim é possível conhecer e respeitar toda sua beleza.

Artigos Relacionados