Atlético-MG enfrentará Brasiliense na Copa do Brasil; equipes não se enfrentam desde 2006

 

Atlético-MG foi sorteado para encarar o Brasiliense na 3ª fase da Copa do Brasil. Os dois clubes já se encontraram em outras duas ocasiões na competição, com uma vitória para cada. A última vez que se enfrentaram foi há 16 anos, na Série B.

O que mais você pode conferir neste post: [Ocultar]

A princípio, a primeira vez que Atlético-MG e Brasiliense se encontraram foi justamente em uma Copa do Brasil. Em 2002, o time da capital brasileira era a sensação do país, mesmo estando na Série C – conquistada por eles. Os times se enfrentaram na semifinal da competição e o Jacaré venceu os dois jogos – 3 x 0 em pleno Mineirão e 2 x 1 no Distrito Federal. Três anos depois, em 2005, voltaram a se enfrentar, mas dessa vez na 2ª fase. Em jogo único, o Galo levou a melhor ao vencer, fora de casa, por 3 x 1.

Em 2005, também foi o ano da primeira e única participação do Brasiliense na Série A do Brasileirão. Cada um venceu fora de seus domínios – 1 × 0 Brasiliense, no Mineirão e 2 × 1 Atlético, no Serejão. No fim, os dois clubes foram rebaixados, o Galo em 20°, com 47 pontos, e o Jacaré em 22°, com 41 pontos.

O último Atlético-MG x Brasiliense

Em 2006, na Série B, as duas últimas partidas, até então, entre os clubes. Novamente uma vitória pra cada lado, mas dessa vez cada um venceu em sua casa – 1 x 0 em ambos os jogos. O último jogo entre eles foi no Mineirão, que recebeu mais de 50 mil pessoas – recorde do país naquele momento – no dia 6 de outubro de 2006, com o artilheiro Marinho marcando para o Galo. A partida serviu para colocar o alvinegro na liderança isolada da competição, que viriam a vencer rodadas depois.

Por fim, nessa 3ª fase, começam os jogos de ida e volta. Dessa maneira, o primeiro jogo será com mando do Atlético-MG, no dia 20 de abril, que pode não ter o Mineirão – tem shows marcado -, a volta será com mando do Brasiliense, no dia 11 de maio.

Foto destaque: Reprodução / Copa do Brasil

André Merice
A sensação de poder transmitir uma sentimento à cada leitor é o que me move. Ainda assim, sou somente mais louco apaixonado por futebol, que fez da escrita e do esporte a sua vida!