Até logo, meu camisa 10!

- São 12 anos de uma história riquíssima
Fallback Image

Realmente as coisas não estão fáceis na vida do Internacional. A saída de Eduardo Coudet expôs um problema que muitos colorados e coloradas não queriam enxergar. Assim, a queda na Copa do Brasil e a perda da liderança do Brasileirão fizeram todos ficarem em alerta. Porém, segunda-feira (23), um dos momentos de maior dor chegou para os torcedores do Inter. Dói mais que perder final. É a dor do adeus a D'Alessandro.

Em entrevista coletiva, um dos maiores ídolos do Sport Club Internacional, Andrés D'Alessandro, contou que não permanecerá mais no clube. O fim, que muitos temiam, não será da mesma maneira do que o planejado: ele não se aposentará. Seguirá a carreira de atleta. Dessa vez, longe do Colorado. Além disso, a despedida não vai poder ser em casa.

“Não estou fechando no clube. Gostaria de voltar para encerrar. Nem que seja um jogo. Essa é a minha vontade. Vai depender de quem estiver na frente comandando o clube nos próximos anos.”

Obrigada por tudo, D'Ale

Claramente Andrés D'Alessandro foi feito para jogar no Internacional. O Internacional foi feito para Andrés D'Alessandro. Contudo, todos os ciclos se encerram. Confesso que nunca esperei que esse momento chegaria. Muito menos dessa forma. Mas tu, D'Ale, sempre foi digno. Dessa maneira, claro que não deixaria de ser mais uma vez.

Contudo, a sensação não é de ponto final. Sabemos que é apenas uma vírgula. É a troca de um capítulo. Uma nova história se dará início. Tenho certeza que doerá te ver jogando em outro clube. No entanto, seja onde for, sempre estarem torcendo por ti. Mas o Sport Club Internacional nunca terá um camisa 10 ao meu nível que o teu. Tu ainda estarás conosco nem que seja por uma partida. A tua última.

Confesso que quando param para me questionar o porquê de D'Alessandro ser um dos nossos ídolos, fico com vários questionamentos na cabeça. Não por não saber do tamanha da tua grandeza. Não consigo achar palavras para definir a tua maestria. Dentro e fora de campo. Contudo, hoje eu consigo entender. Porque tu mostras as tuas fraquezas. Porque estoura quando tem que estourar. Além disso, porque em inúmeros momentos se mostrou colorado. Mais que isso: mostrou ser totalmente apaixonado pelo Sport Club Internacional.

Inclusive, descrever D'Alessandro é uma das coisas mais difíceis e complicadas. É pensar em raça. É pensar em doação. Tu chegaste novo, ainda se firmando no futebol. Muitas vezes até acanhado. Mas dentro de campo, viraste uma fera. Fora das quatro linha, foi até além. Tu és muito mais que colorado. Mais que isso, tu és gaúcho. Além disso, pode ter certeza de que nos representa fielmente.

O adeus para a Lenda!

Essa história será passada de geração em geração. Nossos filhos, nossos netos e todas as gerações saberão da grande de D'Alessandro. Tu sempre estarás nos corações dos torcedores. Sempre terá um lugar ao lado de Fernandão. Ao lado de Falcão. E os diversos ídolos que passaram pelo nosso clube. Dessa maneira, pode ter certeza de que sentiremos saudades das tuas broncas, da tua raça, da tua determinação.

A tua canhotinha abençoada foi digna de muita felicidade nossa. E quanta felicidade vivemos… Juntos, pintamos a América de vermelho. Foi, aliás, juntos que muito choramos de alegria. Claro que tristezas também tivemos nesse meio tempo. Mas elas passam. Tudo passa. Menos a tua história. Porque tu és único.

Nunca esperei que esse dia fosse chegar. Ainda temos algum tempo juntos. Mas o sentimento de saudade é o que fica. Claro que a gratidão anda ao lado. Todos os colorados só têm a agradecer pelas tuas “La Boba”, que desnorteavam os adversários. Também aos teus gols e tuas assistências, que colocavam o Beira-Rio a baixo. E teus títulos. Os nossos títulos.  Temos que agradecer por todas as vezes que brigou pelo amor à camisa. Tenho certeza de que tu és muito mais que um ídolo. Tu és gigante! És uma lenda!

Te desejamos todo o sucesso do mundo. Que a próxima fase da tua vida seja de sucesso. Tu mereces tudo de melhor, D'Ale. Obrigada pelos 12 anos de uma história sensacional. Obrigada por cada Lance de Craque e por ser o embaixador do Instituto de Câncer. Claro, obrigada pelos 13 títulos que tu nos ajudaste a conquistar. Ainda temos caminho pela frente. Nos veremos em breve, capitão! Eu nunca me esquecerei dos dias que passei contigo, D'Ale! Estarás sempre nos nossos corações.

Foto destaque: Divulgação/SC Internacional

BetWarrior


Poliesportiva


Lauren Berger
Lauren Berger
Lauren Berger, gaúcha e apaixonada por futebol. Cresci vendo grandes nomes do Brasil em campo e um sentimento especial cresceu em mim. Vi Ronaldinho Gaúcho, Fernandão, Cristiano Ronaldo, Iniesta e foi amor à primeira partida. Estudo na Universidade Luterana do Brasil-RS.
    Topo