Após festival de cartões, Bahia empata em duelo com Goiás, fugindo do Z4

- Com o resultado, o Bahia fica na 16ª posição, com 16 pontos
Goiás e Bahia

Na noite desta sexta-feira (16), a partida entre Goiás e Bahia pelo Brasileirão ficou tudo igual. Assim, com os gols de Vinicius Lopes aos 49′, e de Fessin, já nos acréscimos do segundo tempo, o placar ficou em 1 a 1. Ainda, o destaque da partida ficou para o número de cartões. No total, o árbitro do confronto, Rodrigo Carvalhaes, distribuiu 14 cartões, sendo nove amarelados e cinco expulsos.

1° TEMPO

Logo no início do confronto, Juninho Capixaba buscou chances de gol para o Bahia. Assim, aos 6′, o atleta aproveitou a chance de fora da área e bateu para o gol. Entretanto, apesar da tentativa, o camisa 29 jogou para fora. Em seguida, aos 11′, Rossi foi atrás de jogo, indo com velocidade para a área Esmeraldina. Sendo assim, Gilberto tentou alcançar a bola e finalizar o lance, mas não conseguiu dar um fim a bola.

No geral, o primeiro tempo alcançou um clima morno, não rendendo resultados, apesar dos esforços. Enfim, a falta de efetividade refletiu nas finalizações. Na primeira etapa, o Goiás finalizou seis vezes, enquanto o Bahia, apenas três.

2° TEMPO

Abatendo o clima atingido na primeira etapa, poucos momentos após o apito de recomeço de jogo houve gol. Assim, após tabela de Keko para Shaylon, o camisa 17 passou no meio para Vinicius Lopes, que abriu o placar para o Goiás aos 3′. Pouco tempo depois, Elias, aos 12′, perdeu uma chance de empate. Após passe de Gilberto, o jogador pecou na finalização, jogando a bola para cima do gol.

Em seguida, aos 23′, Elias perdeu outra chance de gol. Elber arrancou pela esquerda e cruzou para Elias na medida para marcar o gol Bahiano. Porém, o 5 desperdiçou a chance, já que cabeceou para a linha de fundo. No fim da partida, o clima do jogou esquentou com a distribuição de cartões do árbitro Rodrigo Carvalhaes. Assim, o Tricolor de Aço alcançou o empate. Fessin recebeu a bola da intermediária e chutou entre dois adversários, mandando para o fundo do gol aos 49′.

E AGORA?

Com o resultado, o Goiás segue na lanterna da tabela, com apenas 10 pontos. Enquanto isso, o Bahia foge da zona de rebaixamento, garantindo 16 pontos na 16ª posição. Na próxima rodada, o Esmeraldino enfrenta o Botafogo. Em contrapartida, o Tricolor de Aço encontra o Atlético-MG de Sampaoli.

MELHORES MOMENTOS

Foto Destaque: Divulgação/EC Bahia

Giulia Cavalheiro

Sobre Giulia Cavalheiro

Giulia Cavalheiro já escreveu 89 posts nesse site..

Meu nome é Giulia Cavalheiro, tenho 17 anos e sou estudante de Jornalismo - 1° semestre da UFSM. No meio de uma confusão para decidir qual carreira seguiria na vida, juntei a minha paixão por escrever e pelo futebol para escolher qual caminho seguiria. Mesmo quando era criança, ir ao estádio e admirar o trabalho da imprensa era a minha realidade, até começar a me imaginar no lugar daqueles repórteres. De São Paulo, deixei tudo para trás e me mudei para o Rio Grande do Sul afim de seguir meu sonho no jornalismo.

BetWarrior


Poliesportiva


Giulia Cavalheiro
Giulia Cavalheiro
Meu nome é Giulia Cavalheiro, tenho 17 anos e sou estudante de Jornalismo - 1° semestre da UFSM. No meio de uma confusão para decidir qual carreira seguiria na vida, juntei a minha paixão por escrever e pelo futebol para escolher qual caminho seguiria. Mesmo quando era criança, ir ao estádio e admirar o trabalho da imprensa era a minha realidade, até começar a me imaginar no lugar daqueles repórteres. De São Paulo, deixei tudo para trás e me mudei para o Rio Grande do Sul afim de seguir meu sonho no jornalismo.

    Artigos Relacionados

    Deixe uma resposta

    Topo