américa-mg x criciúma

América-MG e Criciúma ficaram no empate por 0 x 0 no jogo de ida da Copa do Brasil, nesta quarta-feira (2). Com dois minutos de jogo, na Arena Independência, Rodolfo bateu pênalti para o Coelho, mas desperdiçou. Assim, a decisão ocorre na próxima quarta (9), no Heriberto Hülse.

ASSISTA AOS MELHORES MOMENTOS DE AMÉRICA-MG X CRICIÚMA

1º TEMPO: AMÉRICA SOFRE PÊNALTI COM 30 SEGUNDOS DE JOGO

Supreendentemente, já no início, o Coelho já teve chance de abrir o placar. Com segundos de bola rolando, Ademir sofreu penalidade após Rodrigo derrubá-lo na grande área. Assim, Rodolfo cobrou no canto direito e bateu para fora. Novamente o atacante errou uma cobrança de pênalti (na final do mineiro o artilheiro também teve essa infelicidade). Posteriormente, os visitantes começaram a avançar e ganhar espaço. PH e Dudu Figueiredo ameaçaram os adversários com boas finalizações. No finalzinho, Alê teve duas chances de marcar pelo Mequinha.

2º TEMPO: CHANCES APENAS DO LADO MANDANTE

Diferente da etapa inicial, na segunda só o América ameaçou. Apesar de a defesa do Criciúma neutralizar muitas jogadas, ainda sim sofreu pressão. Felipe Azevedo, Kawê e Anderson tentaram, mas chutaram para fora. Ribamar, aos 33’, obrigou o goleiro Gustavo a trabalhar, em belo chute seguido de bela defesa. O Tigre, no entanto, se retrancou e não levou perigo durante os 45 minutos finais.

https://twitter.com/AmericaMG/status/1400277509564948485

AMÉRICA-MG X CRICIÚMA – E AGORA?

Por consequência do placar, qualquer vitória simples no jogo de volta, classifica o ganhador. Um empate, porém, leva a decisão para os pênaltis. Contudo, os times tem compromisso no Campeonato Brasileiro no final de semana. Pela Série A, o Mequinha recebe o Corinthians, em Belo Horizonte, no domingo (6), às 16h (de Brasília). O Tigre, por outro lado, viaja para o Rio Grande do Sul, para duelar com o São José, na mesma data, mas às 18h (horário de Brasília), pela Série C.

Foto Destaque: Divulgação / Criciúma

Avatar
Isabella Cunha
Sou de Belo Horizonte, tenho 22 anos, estudo jornalismo na PUC Minas, sou cartoleira e apaixonada por um time aí. Admiro a influência do futebol na vida das pessoas e, claro... na minha! Essa paixão me move, eu vivo por esse sentimento. E viverei. Tanto pessoalmente, como profissionalmente.

Deixe uma resposta