Zinédine Zidane

Nesta quinta-feira (7), completou 14 anos da despedida de Zinédine Zidane, do Santiago Bernabéu, como jogador profissional. A passagem de Zizou por Madri foi excelente, vencendo muitos títulos importantes, como: Champions League, Mundial de Clubes e Campeonato Espanhol. Portanto, sua história feita no Real Madrid ficou marcada no clube, e sempre será um jogador lembrando pela torcida madridista. Sua trajetória foi de 2001 até 2006, foi excelente, mas como tudo na vida, teve um fim. No dia 7 de maio de 2006, o francês, em um duelo contra o Villarreal, se despediu do Bernabéu.

TRAJETÓRIA DE ZINÉDINE ZIDANE NO REAL MADRID

A fera francesa chegou em Madri com altas expectativas, Zinedine Zidane tinha feito uma bela trajetória na Juventus e já havia vencido uma Copa do Mundo e tinha vencido a Bola de Ouro em 1998. Assim, foi considerado uma ótima contratação, mas não foi barata, custou 77 milhões de euros, superando Luís Figo, se tornando a transferência mais cara da história, até 2009. Zizou chegou para manter o Real entre os mais forte da Europa.

View this post on Instagram

Once upon a time. #Elclasico #ZinedineZidane10

A post shared by Zinédine Zidane (@zinedinezidane10) on

A DESEJADA CHAMPIONS LEAGUE

O Real Madrid sempre foi e sempre será um grande favorito no maior campeonato entre clubes do mundo, e com Zidane não seria diferente. Entretanto, a Liga dos Campeões é muito difícil de vencer, apenas favoritismo não basta. Portanto, os Los Blancos teriam que superar as expectativas e ganhar. O plantel de Vicente Del Bosque passou com facilidade das primeiras fases, mas nas quartas de finais teria pela frente o grande Bayern de Munique.

Portanto, se esperava um grande confronto, e realmente foi. Na partida de ida, de virada, o Bayern venceu por 2 x 1. Na volta, Zinédine Zidane e companhia venceram bem por 2 x 0. O Real Madrid se classificou para as semifinais, o adversário seria o Barcelona. Sempre que tem El Clásico, esperamos um jogo bem equilibrado, e ambos os jogos foram, entretanto o Real era melhor. A partida de ida o clube merengue venceu por 2 x 0, um dos gols foi de Zidane, em pleno Camp Nou, já a partida de volta terminou 1 x 1.

A final foi contra o Bayer Leverkusen, ocorreu no estádio Hampden Park, e foi um equilibrado confronto, mas a genialidade de Zidane decidiu. A partida começou, e logo nos primeiros minutos, Raúl abriu o placar. Na sequência, Lúcio, zagueiro brasileiro, empatou a partida. Os Los Blancos eram melhores tecnicamente, mas os alemães estavam dificultando o jogo. Aos 45 minutos da primeira etapa, após um belo cruzamento de Roberto Carlos, Zizou fez um golaço de perna esquerda. O 2º tempo foi movimentado, mas sem gols. Portanto, Real Madrid vencia a Champions pela 9ª vez.

OS GALÁTICOS

A equipe Merengue já era um grande time, mas estava pra ficar ainda mais forte. Em 2002 chegou Ronaldo, e em 2003 David Beckham se juntou aos madridistas. Com essas grandes contratações, o Real Madrid recebeu o apelido de “Os galáticos”, mas não foi o que se esperava. O plantel era formado pelos melhores do mundo, como Beckham, Ronaldo Fenômeno, Zinédine Zidane, Roberto Carlos, Figo e Raúl.

Entretanto, um elenco que tinha muitas estrelas e muita expectativa, não rendeu o esperado. Os merengues apresentaram um belo futebol, ganharam alguns títulos, mas foi pouco pra esse time. O esquadrão dos galáticos, com todos esses integrantes, venceu apenas um Supercopa da Espanha. Um time com todo esse potencial e com todo esse investimento, tinha obrigação de vencer mais títulos.

A ÚLTIMA PARTIDA DE ZIDANE

A partida ocorreu no dia 7 de maio de 2006, o adversário era o Villarreal, o Submarino Amarelo era liderado pelo craque Juan Román Riquelme. O jogo foi excelente, cheio de grandes jogadas, a partida terminou em 3 x 3, Zidane fez um bom jogo e foi premiado com um gol aos 21 minutos do 2º tempo. No final da partida, o craque francês foi substituído sob aplausos. Era o fim de um ciclo, mas, anos depois, outro iria iniciar.

ZINÉDINE ZIDANE ATUALMENTE

Zidane brilhou nos gramados, venceu diversos títulos cobiçados, como Copa do Mundo e Champions League, entretanto, ele não ia parar de vencer. Na temporada 2013-14, ganhou a Champions com o Real, como auxiliar de Carlo Ancelotti. Em 2016, se tornou técnico dos Los Blancos, e depois disso, venceu três Liga dos Campeões seguidas e uma La Liga. A última equipe que tinha conseguido esse feito, foi o Bayern de Munique de Franz Beckenbauer. Depois de vencer a terceira orelhuda como técnico, Zizou pediu demissão, mas meses depois, retornou ao comando Merengue. Atualmente, o francês continua como comandante do Real Madrid, e não deve sair tão cedo.

Foto destaque: Arquivo / Bleacher Report Football

Leonardo Pinheiro
Escolhi jornalismo porque para mim é prazeroso informar as pessoas, e além disso, a paixão pelo futebol me encorajou a seguir essa carreira. Meu principalmente objetivo na profissão é trabalhar com esportes, principalmente o futebol.

Artigos Relacionados