Yokohama Marinos apresenta Élber, ex-Bahia

- O contrato do jogador com o Tricolor se encerrou no último mês de dezembro
Élber

No último dia 30 de dezembro de 2020, o atacante Élber se despediu da torcida do Bahia, em publicação nas suas redes sociais. Ao todo, o atleta passou três anos no Tricolor e participou de 152 jogos. A partir de 2021, o jogador de 28 anos irá continuar a defender as cores azul, vermelho e branco. Entretanto, dessa vez será o escudo do Yokohama Marinos que estará na camisa.

O pré-contrato com o Tricolor Japonês já estava acertado desde o mês novembro. Apesar das tratativas que foram feitas e da vontade do atacante em permanecer no Esquadrão Tricolor, a ótima oferta dos japoneses pesou demais na balança. A princípio, o contrato prevê a permanência do atleta no clube japonês por três anos.

“Estou muito feliz por poder enfrentar novos desafios na minha vida no futebol neste clube e tenho feito isso com muita motivação. Sou muito grato a Yokohama F. Marinos por me dar a oportunidade de jogar em um novo país. Estou realmente ansioso para descobrir sobre meu novo clube cedo e conhecer novos companheiros de equipe e treinar com eles. Estamos empenhados em sempre fazer tudo ao nosso alcance pelo clube para que possamos ganhar tantos títulos! Faremos o possível para dar muita alegria aos fãs e torcedores, então, por favor, nos apoiem”.

OBJETIVOS

A temporada da J-League 2021 está marcada para se iniciar em 27 de fevereiro. E o objetivo dos Marinos é conseguir repetir o sucesso de 2019. Afinal, sagraram-se campeões da liga na oportunidade. Porém, por outro lado, 2020 não deixou saudades. Campanha inegavelmente aquém das expectativas no Campeonato Japonês e eliminação precoce na Champions da AFC.

Élber será o quarto brasileiro no elenco. Juntamente com Thiago Martins, Marcos Júnior e Erik, a legião brasileira brigará para recolocar o Yokohama Marinos no mais alto lugar da J-League. Além disso, buscarão vaga na Copa do Imperador e na Champions da AFC 2022.

https://twitter.com/prompt_fmarinos/status/1345966602735370241?s=20

Foto destaque: Divulgação/Felipe Oliveira/EC Bahia

Ayrton Niño
Ayrton Niño
Historiador pela UFPE e graduando em Jornalismo pela UniNassau.

Artigos Relacionados

Deixe uma resposta

Topo