Na manhã deste domingo (6), no Suzhou Olympic Sports Centre, Wuhan Zall e Beijing Guoan empataram em 2 x 2. O jogo aconteceu pela 9ª rodada do Grupo B da Superliga Chinesa 2020. O time da capital saiu na frente e abriu dois tentos de vantagem ainda na primeira etapa, mas Léo Baptistão e Kouassi, em um intervalo de dois minutos, igualaram o marcador e impediram o rival de atingir a mesmo pontuação do líder.

1º tempo

Os primeiros 20′ foram até movimentados, porém, pela falta de pontaria, nenhum ataque assustou de fato. Enquanto o Guoan buscava construir mais jogadas, o Wuhan apostou em aproveitar o erro do adversário. A estratégia saiu pela culatra, e os Guardas Imperiais conseguiram abrir o placar. Aos 22′, depois de uma saída de bola errada da zaga rival, Zhang Yuning recebeu na ponta esquerda e lançou para Bakambu, livre, mandar no canto do goleiro.

Posteriormente, o embate manteve sua mesma pegada. Os campeões da 2ª divisão de 2018 tiveram sua melhor chance com Léo Baptistão, que ganhou uma dividida no meio, carregou e mandou a direita do gol defendido por Hou Sen. Já aos 42′, depois de mais uma vez a defesa “colaborar”, Jonathan Viera deu um belo passe para Zhang Yuning, praticamente do mesmo lugar que Bakambu, dominar e mandar para as redes.

2º tempo

Mesmo com os dois gols de vantagem, a equipe de Pequim teve um bom volume de jogo na volta do intervalo e buscou marcar o terceiro tento para matar a partida. A chance maior poderia ter vindo em uma cobrança de pênalti, mas o árbitro, que recorreu ao VAR, nada marcou. Renato Augusto, Li Lei e Zhang Yuning ainda tiveram oportunidades depois da polêmica, só que nenhum conseguiu ser efetivo e converter as finalizações em gol.

O castigo pela falta de eficácia veio entre os 22 e os 24′, primeiro com Léo Baptistão, que subiu livre em cobrança de escanteio e descontou, depois com Kouassi, também de cabeça, após bom cruzamento de Liu Yi. Assim, depois do empate, o duelo ficou morno, sem muita ousadia de ambos os lados. As únicas jogadas ofensivas foram pouco incisivas e não levaram perigo nenhum aos goleiros. Sendo assim, a igualdade prevaleceu até o apito final.

E agora?

Com o tropeço, o Beijing Guoan chegou só aos 18 pontos, deixando escapar a chance de se igualar ao líder Shanghai SIPG, que tem 20. O próximo confronto do time será na quinta-feira (10), contra o Tianjin Teda, às 7h (horário de Brasília). Já o Wuhan Zall conquistou um importante ponto, chegando aos 16 e ficando na cola de Guoan e SIPG. Agora a equipe entra em campo na sexta-feira (11), contra o Shijiazhuang Ever Bright, às 9h.

Melhores momentos

Foto destaque: Reprodução/Imagine China/Sina.com

Leonardo Abrahão
Leonardo Abrahão, 20 anos, paulistano e estudante de jornalismo na Universidade Nove de Julho. Redator do Futebol na Veia desde 2019, cobrindo futebol italiano, asiático e brasileiro.

Artigos Relacionados