Xavi se diz pronto para comandar o Barcelona

- Dois meses após dizer não, o ídolo do clube espanhol voltou a falar sobre o assunto

Após dois meses de rejeitar o cargo de técnico do Barcelona, Xavi diz que está “pronto” para administrar o clube espanhol. Em entrevista ao ‘La Vanguardia‘, o ex-jogador do time da Catalunha, voltou a comentar sobre a possibilidade de um dia comandar Messi e companhia. Por qual vestindo a camisa como atleta disputou mais de 700 partidas e fez história.

XAVI FEZ HISTÓRIA COMO ATLETA E INICIOU COMO TÉCNICO

Como jogador, Xavi passou a maior parte de sua grande carreira jogando no Barcelona, ​​de 1998 a 2015,por qual disputou de 769 partidas. Durante todo esse tempo, ele ganhou oito títulos da LaLiga e conquistou quatro Champions League. Além de ter sido peça chave no famoso tiki-taka de Guardiola, também desempenhou um papel crucial nas três conquistas consecutivas da Espanha: a Euro 2008, Copa do Mundo 2010 e Euro 2012. Como atleta aposentou-se no dia 4 de abril de 2019, na vitória do Al Sadd por 7 x 2 sobre o Al Ahli, e pouco tempo depois passou a ser o treinador da equipe localizada no Catar.

Até o momento, foram 28 partidas como técnico por lá, onde conquistou 15 vitórias, quatro empates e nove derrotas. Chegando a uma média de 1,75 pontos por partidas, o que não é uma média positiva, onde seu time marcou 70 gols e sofreu 50. Até a paralisação do futebol por conta da pandemia do coronavírus, o Al Sadd estacionou na 3ª colocação da Qatar Stars League, 10 pontos atrás do líder, Al Duhail.

A POSIÇÃO DE XAVI SOBRE COMANDAR O BARCELONA

Recentemente, Xavi afirmou que teve um encontro com Abidal para comandar o Barcelona. Entretanto, não houve sucesso, após semanas conturbadas sob pressão, Quique Setién chegou para assumir o cargo deixado por Ernesto Valverde. Agora, Xavi voltou a comentar sobre o assunto e se diz pronto para exercer a função sob comando da equipe espanhola, onde é ídolo. Mas com algumas ressalvas importantes.

Deixei claro para eles que me via em um projeto que começava do zero e em que a tomada de decisão era minha. Gostaria de trabalhar com pessoas em quem confio, com pessoas muito válidas há lealdade mútua. Não pode haver ninguém tóxico no vestiário”

Isso deixou claro que Xavi se viu como uma jogada política para apaziguar as turbulências enfrentadas pelo clube na ocasião. Ou seja, colocando um jogador renomado como é, ídolo do clube, no cargo como técnico, passaria a ser a “linha de frente”. O que possivelmente tiraria os dirigentes dos holofotes. Os quais o Messi criticou recentemente em suas redes sociais, defendendo seus companheiros de equipe.

Esboçando o que ele gostaria de ver em sua equipe do Barcelona na beira do gramado, ​​Xavi rotulou Messi, Pique e Ter Stegen como os melhores do mundo em suas respectivas posições. Além disso, afirmou que os meias Frenkie De Jong e Arthur como jogadores para “ganhar por mais 10 anos”.

QUEM CONTRATARIA PARA O ATAQUE?

Eu contrataria alas, como Neymar – não sei se ele se encaixaria devido à questão social, mas no futebol não tenho dúvidas de que seria uma contratação espetacular“. Vale ressaltar que o ex-camisa 6 do Barça jogou por alguns anos com o brasileiro, que marcou o último gol de título da equipe na Champions, inclusive, Xavi foi quem ergueu a taça. Por fim, para ele Sancho e Gnabry seriam outras saídas, caso houvesse não houvesse a possibilidade de contar com o craque do PSG.

Contudo, hoje aos 61 anos, Quique Setién é o técnico do Barcelona por qual tem mais dois anos de contrato. Até o momento, desde a estreia contra o Granada em 19 de janeiro, foram apenas 12 jogos. Desses, apenas um empate, contra o Napoli pela Champions e três derrotas: Valência, Bilbao, na eliminação da Copa do Rei e o El Classico, para o Real Madrid.

Foto em destaque: Reprodução/Goal.com

Thiago Lopes

Sobre Thiago Lopes

Thiago Lopes já escreveu 342 posts nesse site..

Thiago Lopes, 20 anos. Estudante de jornalismo - 5º semestre. Com a facilidade de escrever, expressar suas opiniões em debates futebolísticos e com uma cirurgia no menisco colateral direito aos 17, decidiu que seu objetivo profissional seria seguir na área esportiva. Frequentador de arquibancadas, pretende vivenciar e desfrutar o melhor que o futebol proporciona.

365 Scores

BetWarrior


Thiago Lopes
Thiago Lopes
Thiago Lopes, 20 anos. Estudante de jornalismo - 5º semestre. Com a facilidade de escrever, expressar suas opiniões em debates futebolísticos e com uma cirurgia no menisco colateral direito aos 17, decidiu que seu objetivo profissional seria seguir na área esportiva. Frequentador de arquibancadas, pretende vivenciar e desfrutar o melhor que o futebol proporciona.

Artigos Relacionados

Topo