Wuhan Zall traz novidades gringas para Superliga Chinesa 2019

Atual campeão da liga de acesso à Superliga Chinesa contrata novos jogadores para a temporada 2019 e terá dupla de ataque brasileira

Recém-promovido a elite do futebol chinês, o Wuhan Zall mexeu-se no mercado a fim de novos objetivos em 2019. Para tal, mudou alguns de seus estrangeiros, visto que há um limite para quatro relacionados por partida, sendo apenas três titulares e o quarto podendo vir do banco substituindo outro gringo. O clube se despediu do boliviano Marcelo Moreno e do brasileiro Pedro Júnior. Os atacantes ajudaram a equipe a chegar na Superliga Chinesa, mas não faziam parte dos planos do clube e acertaram suas saídas de forma amigável e boa para todos, sem inimizades e pela porta da frente.

Pedro Júnior e Marcelo Moreno acertaram suas saídas do Wuhan Zall (Divulgação/Wuhan Zall)

A equipe chinesa logo se movimentou no mercado e trouxe dois nomes de peso. Um deles e o volante camaronês M’Bia, com passagens destacadas por Rennes e Olympique de Marseille, ambos da França, e Sevilla, da Espanha, além de ter feito parte de sua seleção nacional, onde participou de Copa do Mundo e Olimpíadas. O atleta fora de muita valia nos clubes onde passou e vai para sua segunda passagem no futebol chinês, pois, na última temporada, teve passagem pelo Hebei China Fortune, antes de acertar com o Toulouse, onde ficou meia temporada. O jogador acertou amigavelmente sua rescisão e acertou com os chineses.

https://twitter.com/StephaneMbia/status/1092329403298836480?s=19

O outro jogador que chegou ao clube foi o atacante brasileiro Léo Baptistão. Pouco conhecido no Brasil, o jogador tem bons números “fora de casa”, digamos assim. Oriundo da base da Portuguesa Santista, onde surgiu junto a Neymar, foi bastante cedo para fora do Brasil, antes de se profissionalizar, e assinou com o Rayo Vallecano com apenas 16 anos, para fazer parte das categorias de base do clube espanhol do qual se profissionalizou. Também teve passagem por Atlético de Madrid, Bétis, Villarreal e Espanyol, este último no qual teve maior destaque antes de ser vendido por seis milhões de euros (R$25.4 milhões).

O Wuhan Zall agora terá dupla brasileira no ataque do time. Baptistão fará dupla com Rafael Silva, vice-artilheiro da Chinese League One. O brasileiro foi o principal responsável pelo acesso do time a elite chinesa.

Eric Filardi

Sobre Eric Filardi

Eric Filardi já escreveu 986 posts nesse site..

Quando pequeno quis ser jogador. O sonho de criança passou. Uma vida nova se anseia. Bem-vindo ao melhor site de futebol. Bem-vindo ao Futebol na Veia. Sou Eric Filardi, paulistano de 25 anos, jornalista de formação e apaixonado por futebol.Como todo jornalista amo escrever. Como todo brasileiro amo futebol. Tenho meu clube e minhas preferências, mas viso o profissionalismo e a imparcialidade, sem deixar de lado a criatividade. Sou Tricolor, sou Peixe, sou Palestra e sou Timão. Sou da Colina, Botafogo, sou Flu e sou do Mengão. Sou Brasil, sou Hermano, francês e italiano. Sou Ghiggia, Paolo Rossi, Caniggia e Zidane. Sou Alemanha dos 7 a 1, mas que o povo não se engane. Também sou Ronaldo, Romário, Zico, Garrincha e Pelé. Sou Bundesliga, MLS, Eredivisie e Premier. Sou das várzeas e dos terrões, sou Clássico das Multidões. Sou sul, sou nordeste, Amazônia e Pantanal. Sou Galo, sou Raposa, sou Bavi e sou Grenal. Sou Ásia, sou África, sou Barça e sou Real. Sou as Américas, a Europa, sou o mundo em geral. Sou a festa nas arquibancadas, que o estádio incendeia, sou Futebol na Veia.

1X Bet
Eric Filardi
Eric Filardi
Quando pequeno quis ser jogador. O sonho de criança passou. Uma vida nova se anseia. Bem-vindo ao melhor site de futebol. Bem-vindo ao Futebol na Veia. Sou Eric Filardi, paulistano de 25 anos, jornalista de formação e apaixonado por futebol.Como todo jornalista amo escrever. Como todo brasileiro amo futebol. Tenho meu clube e minhas preferências, mas viso o profissionalismo e a imparcialidade, sem deixar de lado a criatividade. Sou Tricolor, sou Peixe, sou Palestra e sou Timão. Sou da Colina, Botafogo, sou Flu e sou do Mengão. Sou Brasil, sou Hermano, francês e italiano. Sou Ghiggia, Paolo Rossi, Caniggia e Zidane. Sou Alemanha dos 7 a 1, mas que o povo não se engane. Também sou Ronaldo, Romário, Zico, Garrincha e Pelé. Sou Bundesliga, MLS, Eredivisie e Premier. Sou das várzeas e dos terrões, sou Clássico das Multidões. Sou sul, sou nordeste, Amazônia e Pantanal. Sou Galo, sou Raposa, sou Bavi e sou Grenal. Sou Ásia, sou África, sou Barça e sou Real. Sou as Américas, a Europa, sou o mundo em geral. Sou a festa nas arquibancadas, que o estádio incendeia, sou Futebol na Veia.
http://www.ericfilardi.com.br

Artigos Relacionados

Topo