Última rodada do Intermedio tem Nacional e Cerro brigando por uma vaga na final

Todos os times do grupo A jogam nesta quarta-feira e a rodada se completa amanhã com os jogos do grupo B, onde Peñarol e Torque lutam por uma vaga também

O Torneio Intermedio está chegando ao fim. Neste meio de semana, a última rodada definirá os finalistas da competição. Em cada grupo, duas equipes brigam por vaga na final: no grupo A, o Nacional lidera seguido pelo Cerro. Já no grupo B, o Torque lidera seguido pelo Peñarol. Todas as partidas do Grupo A, nesta quarta-feira, acontecem em horário simultâneo, às 15h.

Torneio Intermedio – 7ª rodada

Quarta-feira – 06/06 – Grupo A

Cerro x Racing Montevideo

Com 12 pontos, o Cerro precisa vencer o Racing e contar com uma derrota do Nacional frente ao Danubio para avançar à final. Caso vençam e o Nacional empate, os albicelestes teriam que tirar uma diferença de oito gols de saldo. O Cerro está a 13 partidas sem perder e, na tabela anual, luta por vaga na Libertadores. Leandro Zazpe, suspenso, é o único desfalque dos mandantes.

Enquanto isso, o Racing vem de três derrotas consecutivas. Nos primeiros três jogos do Intermedio, foram três vitórias. Mas elas só serviram para iludir a torcida e melhorar um pouco a situação do clube na tabela anual, onde a equipe está ameaçada de rebaixamento. Francisco Ibáñez e Maicol Cabrera, estão são desfalques. Já Pablo Lacoste e Franco Romero devem ser titulares.

Fernando Correa, treinador do Cerro, no Estádio Luis Tróccoli (Reprodução/Tenfield)

Danubio x Nacional

Reedição da última rodada do Apertura, Danubio e Nacional duelam no Jardines del Hipódromo. Na primeira parte do campeonato, os De La Curva de Maroñas não conseguiram impedir o tricolor de comemorar o título. Com apenas 10 pontos, o Danubio pagou caro pelos tropeços, incluindo uma derrota para o Cerro em casa e não tem chances de classificar. Além de tentar atrapalhar a vida dos Tricolores com uma revanche, o Danubio terá como motivação a tabela anual e a despedida do destaque do time, David Terans, que após a Copa do Mundo jogará no futebol da Arábia Saudita. Do lado do Nacional, até um empate pode resolver. Mas El Bolso necessita da vitória. O objetivo é manter a distância de cinco pontos para o rival Peñarol na tabela anual. O time tem 14 pontos no Grupo A, dois a mais que o Cerro.

(Reprodução/Dante Fernandez/Photosport/focouy)

Liverpool x Rampla Juniors

Em 7º no Grupo A com apenas cinco pontos, o Liverpool decepcionou. É bem verdade que ninguém esperava os negriazules lutando por vaga na final. Mas o time faz boa temporada, apesar da ameaça de rebaixamento na tabela anual, por conta da campanha no Apertura. Já o Rampla Juniors, com maiores dificuldades financeiras e na luta direta contra o rebaixamento, está em 6º com seis pontos. Mas depois de um Apertura pífio, vencer duas partidas no Intermedio foi um alívio.

(Reprodução/Salimo)

Montevideo Wanderers x Fénix

Maior decepção da temporada, o Wanderers não conseguiu brigar pela vaga na final. Em 4º com nove pontos, foram três vitórias e três derrotas. Muito ameaçado na zona de rebaixamento, o Fénix foi a única equipe dos dois grupos que não venceu no torneio. Foram apenas dois pontos conquistados, situação dramática para a equipe administrar no Clausura após a Copa.

Manuel Castro era dúvida, mas vai jogar (Reprodução/Tenfield)
Eric Filardi

Sobre Eric Filardi

Eric Filardi já escreveu 1045 posts nesse site..

Quando pequeno quis ser jogador. O sonho de criança passou. Uma vida nova se anseia. Bem-vindo ao melhor site de futebol. Bem-vindo ao Futebol na Veia. Sou Eric Filardi, paulistano de 25 anos, jornalista de formação e apaixonado por futebol.Como todo jornalista amo escrever. Como todo brasileiro amo futebol. Tenho meu clube e minhas preferências, mas viso o profissionalismo e a imparcialidade, sem deixar de lado a criatividade. Sou Tricolor, sou Peixe, sou Palestra e sou Timão. Sou da Colina, Botafogo, sou Flu e sou do Mengão. Sou Brasil, sou Hermano, francês e italiano. Sou Ghiggia, Paolo Rossi, Caniggia e Zidane. Sou Alemanha dos 7 a 1, mas que o povo não se engane. Também sou Ronaldo, Romário, Zico, Garrincha e Pelé. Sou Bundesliga, MLS, Eredivisie e Premier. Sou das várzeas e dos terrões, sou Clássico das Multidões. Sou sul, sou nordeste, Amazônia e Pantanal. Sou Galo, sou Raposa, sou Bavi e sou Grenal. Sou Ásia, sou África, sou Barça e sou Real. Sou as Américas, a Europa, sou o mundo em geral. Sou a festa nas arquibancadas, que o estádio incendeia, sou Futebol na Veia.


 

365 Scores

 

Eric Filardi
Eric Filardi
Quando pequeno quis ser jogador. O sonho de criança passou. Uma vida nova se anseia. Bem-vindo ao melhor site de futebol. Bem-vindo ao Futebol na Veia. Sou Eric Filardi, paulistano de 25 anos, jornalista de formação e apaixonado por futebol.Como todo jornalista amo escrever. Como todo brasileiro amo futebol. Tenho meu clube e minhas preferências, mas viso o profissionalismo e a imparcialidade, sem deixar de lado a criatividade. Sou Tricolor, sou Peixe, sou Palestra e sou Timão. Sou da Colina, Botafogo, sou Flu e sou do Mengão. Sou Brasil, sou Hermano, francês e italiano. Sou Ghiggia, Paolo Rossi, Caniggia e Zidane. Sou Alemanha dos 7 a 1, mas que o povo não se engane. Também sou Ronaldo, Romário, Zico, Garrincha e Pelé. Sou Bundesliga, MLS, Eredivisie e Premier. Sou das várzeas e dos terrões, sou Clássico das Multidões. Sou sul, sou nordeste, Amazônia e Pantanal. Sou Galo, sou Raposa, sou Bavi e sou Grenal. Sou Ásia, sou África, sou Barça e sou Real. Sou as Américas, a Europa, sou o mundo em geral. Sou a festa nas arquibancadas, que o estádio incendeia, sou Futebol na Veia.
http://www.ericfilardi.com.br

Artigos Relacionados

Topo