The Strongest e Libertad ficam no empate pela Libertadores

Gol na reta final salva paraguaios da derrota
The Strongest e Libertad ficam no empate pela Libertadores

No Estádio Hernando Siles, em La Paz, o The Strongest recebeu o Libertad pelo primeiro duelo da segunda fase eliminatória da Conmebol Libertadores. O empate em 1 x 1, acabou sendo melhor para os visitantes, que viram os bolivianos melhores na partida, tendo boas oportunidades, mas pecando na pontaria. Além disso, um golaço definiu o marcador.

1º Tempo

A equipe da casa dominou as ações da etapa inicial. Com mais posse de bola (74%), a pontaria não estava muito afiada, pois de 14 chutes tentados, apenas cinco tiveram direção ao alvo. Do outro lado, o Libertad esperava o momento certo de atacar, abdicando da ofensiva, foram três chutes e apenas um chegando ao gol. Sem perigo de ambos os lados, somente o cartão amarelo para Diego Wayar, do The Strongest, foi o principal acontecimento, e o placar intacto no 0 x 0.

https://twitter.com/ClubStrongest/status/1092940462892240897

2º Tempo

Voltando ao duelo, os bolivianos continuavam com a posse de bola, porém em menos escala (57%) e arriscaram menos (quatro chutes). Mas aos 12 minutos, Marvin Bejarano pegou o rebote de um escanteio e de primeira, balançou as redes do Libertad, contando ainda com um desvio no adversário. Os paraguaios se lançaram ao ataque a partir daí, sendo recompensados aos 36 minutos. Também após um escanteio, a bola sobrou para Adrián Benítez, que acertou um lindo voleio, no ângulo, empatando a partida. O The Strongest ainda tentou algumas investidas, mas sem sucesso, e o empate prevaleceu.

https://twitter.com/Libertad_Guma/status/1093023072431550464

E Agora?

Com o resultado, a equipe do Libertad joga por um empate sem gols na semana que vem, para avançar à terceira fase de eliminatória. Já o The Strongest, também pode jogar por uma igualdade, desde que seja a partir do 2 x 2. O mesmo resultado leva a decisão para os pênaltis e qualquer positivo, dá direito ao vencedor mais uma passo na Libertadores. A volta do confronto, está marcada para a próxima quarta-feira (13).

Melhores Momentos

Ruan Silva

Sobre Ruan Silva

Ruan Silva já escreveu 632 posts nesse site..

Meu nome é Ruan Silva da Silva, tenho 24 anos, moro na cidade de Altamira no Pará. Sou graduado na área de Letras, com habilitação em Língua Portuguesa e no momento pós-graduando na área de Linguagem e Ensino, ambos pela Universidade Federal do Pará (UFPA). Sou deficiente físico, tenho dificuldades na questão da locomoção, que dificulta um pouquinho as coisas, mas nada que impeça de exercer diversas atividades. Sou apaixonado por todos os esportes, principalmente pelo futebol, corintiano e simpatizante de diversos clubes na Europa que não cabem todos aqui e apaixonado também pelo jornalismo esportivo tendo como ídolos, ícones como Galvão Bueno, Luciano do Valle, André Henning, Vitor Sérgio Rodrigues e outros mais. Uma curiosidade minha é que consegui na graduação em um ambiente voltado aos estudos de ensino e aprendizagem, incluir o futebol no principal trabalho dos quatro anos de curso, o TCC. Escrevi sobre Nelson Rodrigues e a Copa de 1950, temas raramente trabalhados numa graduação como essa. Enfim! Sonho em um dia trabalhar efetivamente na área que tanto amo e acredito que posso fazer um bom papel no meio.

1X Bet
Ruan Silva
Ruan Silva
Meu nome é Ruan Silva da Silva, tenho 24 anos, moro na cidade de Altamira no Pará. Sou graduado na área de Letras, com habilitação em Língua Portuguesa e no momento pós-graduando na área de Linguagem e Ensino, ambos pela Universidade Federal do Pará (UFPA). Sou deficiente físico, tenho dificuldades na questão da locomoção, que dificulta um pouquinho as coisas, mas nada que impeça de exercer diversas atividades. Sou apaixonado por todos os esportes, principalmente pelo futebol, corintiano e simpatizante de diversos clubes na Europa que não cabem todos aqui e apaixonado também pelo jornalismo esportivo tendo como ídolos, ícones como Galvão Bueno, Luciano do Valle, André Henning, Vitor Sérgio Rodrigues e outros mais. Uma curiosidade minha é que consegui na graduação em um ambiente voltado aos estudos de ensino e aprendizagem, incluir o futebol no principal trabalho dos quatro anos de curso, o TCC. Escrevi sobre Nelson Rodrigues e a Copa de 1950, temas raramente trabalhados numa graduação como essa. Enfim! Sonho em um dia trabalhar efetivamente na área que tanto amo e acredito que posso fazer um bom papel no meio.

Artigos Relacionados

Topo