Terror de Londres! Dupla Lewa-Gnabry dá show em vitória do Bayern pela Champions League

Avassalador, Bayern de Munique dá um verdadeiro show no Stamford Bridge ao vencer por 3 x 0 o plantel de Lampard
Dupla Lewa-Gnabry é crucial na vitória do Bayern sobre o Chelsea

Dando início aos trabalhos, Chelsea e Bayern de Munique se enfrentaram nesta terça-feira (25) de Champions League. Dessa maneira, o duelo que teve como palco o Stamford Bridge terminou em vantagem para os visitantes. Em uma partida eletrizante, os Bávaros deram uma verdadeira aula de futebol ao vencerem por 3 x 0. Assim, o clube treinado por Hans Flick provou a eficiência do ataque, que conta com a excelente fase da dupla Lewa-Gnabry. Ao passo que o Chelsea, no jogo de volta, reza por um milagre para garantir a classificação.

1º TEMPO

A todo vapor! Essa é a expressão que definiu a etapa inicial do duelo. Mesmo sem balançar as redes, os clubes conseguiram chegar ao gol e levar perigo aos goleiros adversários. Contudo, as melhores chances criadas foram do lado dos visitantes, que inclusive ostentaram quase 70% de posse de bola. Dessa maneira, o primeiro lance de tirar o fôlego foi aos 10 minutos, quando Lewandowski e Coman tabelaram, terminando em um chute do camisa 29 que assustou a torcida inglesa. Na sequência, o artilheiro da Champions League chegou com tudo no gol, mas foi parado por Caballero.

Os Bávaros continuavam pressionando a saída de bola do Chelsea, ao passo que Lewandowski e o goleiro dos Blues viviam um embate. Assim, aos 26′, Lewa recebeu de Müller e foi travado por Caballero novamente. Por outro lado, a resposta dos donos da casa veio apenas aos 42 minutos, quando Marcos Alonso deu um belo drible em Pavard, mas acabou barrado por Manuel Neuer. No finalzinho da primeira etapa, Thiago tentou – a todo custo – impedir um contra-ataque inglês, e acabou advertido com o cartão amarelo.

2º TEMPO

A pressão bávara da primeira etapa perdurou na volta do vestiário. Assim sendo, o placar saiu do zero a zero logo aos cinco minutos. Gnabry – tímido até então – tabelou com o inteligentíssimo Lewandowski, e mandou direto para o fundo das redes de Caballero. A situação já era complicada para o Chelsea, que, no lance anterior, havia perdido Jorginho para o confronto da volta após levar um cartão amarelo. Com isso, o plantel de Lampard foi de mal a pior. Aos 8′, a dupla Lewa-Gnabry provou ser o terror de Londres, quando o camisa 22 fez o segundo na partida e o sexto em terras londrinas nesta Champions League.

Dois a zero já era suficiente, mas o Bayern não parava. Desse modo, o resultado poderia ter sido ampliado aos 17 minutos, quando um chute à queima-roupa de Thiago respingou nas mãos da defesa dos Blues. Contudo, o lance gerou polêmica, já que o juiz não requisitou o VAR. Apático, o Chelsea via o adversário dominar e pouco fazia – Lampard até tentou algumas substituições, mas não obteve sucesso. Por fim, o fechar do caixão veio aos 30′, após Davies cruzar para o camisa 9 da Baviera, que não marcava em mata-mata há quase 600 minutos. Xô zika! E como tudo sempre pode piorar, os donos da casa também estarão desfalcados de Alonso no jogo de volta – já que o atleta foi expulso ao final da partida.

E AGORA?

Os clubes voltam a se enfrentar no próximo dia 18, pelo confronto de volta da Champions League. Assim, a partida acontece às 17h (horário de Brasília), no Allianz Arena – em Munique. Pela Bundesliga, o Bayern enfrenta o Hoffenheim no sábado (29), a fim de proteger a liderança. Enquanto isso, o Chelsea visita a equipe do Bournemouth no mesmo dia.

MELHORES MOMENTOS

Foto destaque: Reprodução/ Twitter @fcbayernen

Maria Luisa Araki

Sobre Maria Luisa Araki

Maria Luisa Araki já escreveu 129 posts nesse site..

365 Scores

BetWarrior


Artigos Relacionados

Topo