Sem empolgar, Brasil vence Bolívia e está classificado para a próxima fase

- Lincoln faz, de pênalti, e seleção brasileira apresenta dificuldades durante a partida. Bolívia está eliminada.

Pelo grupo A, a seleção canarinho recebeu a Bolívia e mais uma vez não apresentou um bom futebol. Com dificuldades de criação, a seleção fez apenas o suficiente que precisava para garantir a classificação. A seleção boliviana precisava de uma vitória com larga diferença e tentou pressionar o Brasil. Criou chances, deu sufoco, mas não conseguiu marcar. O goleiro Phelipe ainda salvou o Brasil com uma boa defesa nos acréscimos. Dessa forma, a Bolívia termina a competição na ultima colocação do grupo e eliminada da competição.

1º TEMPO

O primeiro tempo começou morno com a seleção brasileira buscando chegar ao ataque e tendo Rodrygo como o jogador mais perigoso. Aos 9 minutos, o camisa 10 brasileiro cobrou falta com perigo obrigando o goleiro Cuellar a fazer boa defesa e evitar o primeiro gol do Brasil. Aos 18′, Rodrygo tentou surpreender o goleiro com um chute de fora da área que foi defendido em dois tempos. Aos 24 minutos, o camisa 10 recebeu a bola e ao entrar na área sofreu pênalti, após entrada do camisa 3 boliviano.

Na cobrança, Lincoln correu com tranquilidade e deslocou o goleiro para abrir o placar. A partir do gol sofrido, a seleção boliviana equilibrou o jogo e teve algumas chances de empate, que não foram aproveitadas devido à falta de pontaria dos atacantes. No fim da primeira etapa, aos 44 minutos, o camisa 9 brasileiro ainda teve a chance de ampliar, mas chutou para fora em oportunidade de frente para o goleiro.

2º TEMPO

Na etapa final, o Brasil voltou com a mesma lentidão e falta de criatividade. Apenas Rodrygo parecia buscar o jogo. A Bolívia continuava pecando nas finalizações apesar de mostrar muita vontade. Aos 10 minutos, Gonzalez teve grande chance ao cabecear na pequena área de Phelipe, mas o camisa 8 finalizou por cima e desperdiçou a oportunidade. A Bolívia passou a insistir em chutes de fora da área e trouxe algum perigo para a seleção brasileira. Aos 25′, Ramiro Vaca acertou belo chute e o goleiro fez excelente defesa para evitar o empate boliviano. Já na reta final, a Bolívia voltou a perder chances. O goleiro brasileiro fez boa defesa nos acréscimos e salvou o Brasil. No fim, houve pressão dos bolivianos, mas a defesa segurou o resultado.

E AGORA?

No momento, a seleção brasileira ocupa a segunda colocação com sete pontos conquistados e fecha sua participação na primeira fase, classificado para o hexagonal final, enquanto a Bolívia é lanterna e desclassificada da competição.

MELHORES MOMENTOS

Celso Junior

Sobre Celso Junior

Celso Junior já escreveu 169 posts nesse site..

Sou Celso Junior, carioca, tenho 32 anos e moro em Rio das Ostras - RJ. Sou pai da Maria Sofia e amante do futebol, esporte o qual vivo desde criança. Sou professor, treinador, e estudo intensamente o futebol em suas diversas áreas.

365 Scores

BetWarrior


Celso Junior
Celso Junior
Sou Celso Junior, carioca, tenho 32 anos e moro em Rio das Ostras - RJ. Sou pai da Maria Sofia e amante do futebol, esporte o qual vivo desde criança. Sou professor, treinador, e estudo intensamente o futebol em suas diversas áreas.

Artigos Relacionados

Topo