Sábado de estreia no Parazão 2019

Clube do Remo não jogou na semana passada e começa a caminhada na segunda rodada
Sábado de estreia no Parazão 2019

Depois de dois jogos com placares mínimos, a segunda rodada do Parazão 2019 continua neste sábado (26), com mais dois jogos. O destaque será todo para o primeiro jogo oficial do Remo, que acabou tendo seu jogo adiado na primeira rodada, contra o Tapajós. Contra o São Raimundo, a expectativa é de bom jogo do começo ao fim.

Parazão 2019 – 2ª Rodada

Independente x São Francisco – 17h

O Navegantão será palco do duelo entre Independente e São Francisco, no primeiro jogo do sábado. Um quer continuar o bom ritmo de jogo da primeira rodada, o outro quer esquecê-la, apostando em dias melhores a partir desse jogo.

O Independente venceu o Castanhal fora de casa, em um duelo bastante intenso. Para esse jogo, a ideia é a mesma do primeiro: atacar e não se recuar. Por isso, o Galo Elétrico, comandado por Charles Guerreiro, conta com Rai Gol, autor de um dos gols da equipe na ocasião. Os 11 iniciais deverão ser os mesmos do duelo contra o Japiim, o que deixa a comissão técnica bastante satisfeita.

Enquanto isso, o São Francisco só quer esquecer a derrota diante do Paysandu na quarta-feira (23). Mesmo saindo na frente, o Leão santareno não resistiu a pressão e tomou quatro gols na sequência do jogo. O resultado foi bastante lamentado pelo time azulino, que promete uma atuação melhor. O único desfalque para o jogo é o volante Sandro, que acabou expulso na Curuzu, ainda no primeiro tempo. Autor do único gol santareno no meio de semana, o meia Tavinho, em entrevista ao Globoesporte.com, acredita em um melhor desempenho, neste fim de semana.

O nosso time foi aguerrido, leal, corremos bastante. Foi uma estreia que a gente jamais queria que tivesse acontecido, mas precisamos destacar a força desse grupo. A gente sabe que tem total condição de chegar a Tucuruí e conseguir pontuar. Essa é a nossa expectativa, chegar, fazer um bom jogo e levar pontos para Santarém

São Raimundo x Remo – 20h

No Colosso do Tapajós, o São Raimundo recebe o Remo, em seu segundo jogo no Parazão. Os visitantes farão sua estreia oficial em 2019, e quer mostrar serviço logo de cara. Já o Pantera, teve um empate desagradável na estreia e quer se recuperar no mesmo palco.

Falando no time alvinegro, os comandados de Vladimir de Jesus, terão uma mudança em relação ao time que empatou contra o Águia. Edson Pacujá (lesionado), dará lugar a Iago Manoel ou Jomerson Tiningu, dúvida que será tirada momentos antes do jogo. Já Eusébio (meia) e Eric (atacante) que fez o gol na partida de estreia, estão confirmados no time titular.

https://www.instagram.com/p/BtGaHbmnFLu/

No Remo, o técnico Netão faz mistério na escalação do time principal. Após vários treinamentos e testes durante a pré-temporada, o que se sabe de fato, é o que não contará com vários jogadores, que ao todo somam seis: o lateral-direito Geovane e o volante Welton (por opção do comandante), o zagueiro Fredson e o lateral-esquerdo Ronaell, por questões físicas e os atacantes David Batista e Emerson Carioca não estão regularizados junto a CBF.

https://www.instagram.com/p/BtEkiw0A8UM/

Ruan Silva

Sobre Ruan Silva

Ruan Silva já escreveu 720 posts nesse site..

Meu nome é Ruan Silva da Silva, tenho 24 anos, moro na cidade de Altamira no Pará. Sou graduado na área de Letras, com habilitação em Língua Portuguesa e no momento pós-graduando na área de Linguagem e Ensino, ambos pela Universidade Federal do Pará (UFPA). Sou deficiente físico, tenho dificuldades na questão da locomoção, que dificulta um pouquinho as coisas, mas nada que impeça de exercer diversas atividades. Sou apaixonado por todos os esportes, principalmente pelo futebol, corintiano e simpatizante de diversos clubes na Europa que não cabem todos aqui e apaixonado também pelo jornalismo esportivo tendo como ídolos, ícones como Galvão Bueno, Luciano do Valle, André Henning, Vitor Sérgio Rodrigues e outros mais. Uma curiosidade minha é que consegui na graduação em um ambiente voltado aos estudos de ensino e aprendizagem, incluir o futebol no principal trabalho dos quatro anos de curso, o TCC. Escrevi sobre Nelson Rodrigues e a Copa de 1950, temas raramente trabalhados numa graduação como essa. Enfim! Sonho em um dia trabalhar efetivamente na área que tanto amo e acredito que posso fazer um bom papel no meio.

1X Bet
Ruan Silva
Ruan Silva
Meu nome é Ruan Silva da Silva, tenho 24 anos, moro na cidade de Altamira no Pará. Sou graduado na área de Letras, com habilitação em Língua Portuguesa e no momento pós-graduando na área de Linguagem e Ensino, ambos pela Universidade Federal do Pará (UFPA). Sou deficiente físico, tenho dificuldades na questão da locomoção, que dificulta um pouquinho as coisas, mas nada que impeça de exercer diversas atividades. Sou apaixonado por todos os esportes, principalmente pelo futebol, corintiano e simpatizante de diversos clubes na Europa que não cabem todos aqui e apaixonado também pelo jornalismo esportivo tendo como ídolos, ícones como Galvão Bueno, Luciano do Valle, André Henning, Vitor Sérgio Rodrigues e outros mais. Uma curiosidade minha é que consegui na graduação em um ambiente voltado aos estudos de ensino e aprendizagem, incluir o futebol no principal trabalho dos quatro anos de curso, o TCC. Escrevi sobre Nelson Rodrigues e a Copa de 1950, temas raramente trabalhados numa graduação como essa. Enfim! Sonho em um dia trabalhar efetivamente na área que tanto amo e acredito que posso fazer um bom papel no meio.

Artigos Relacionados

Topo