Remo x Independente – Enfim o grande dia chegou!

Domingo (21) será o grande dia para um dos times
Remo x Independente - Enfim o grande dia chegou!

Remo e Independente se enfrentam pelo segundo jogo da final do Campeonato Paraense 2019, no Mangueirão, às 16h (horário de Brasília). No primeiro duelo, o time de Tucuruí acabou vencendo por 1 x 0, graças ao gol contra de Marcão. A expectativa é de um jogo bem melhor do que aquele, atrapalhado pela chuva e o gramado castigado, fazendo a partida ser na base do força.

Clube do Remo

Após uma semana turbulenta com dois nomes importantes do elenco saindo do clube (Edno e Echeverría) o Remo se preparou para o confronto decisivo. Saindo atrás no confronto, o time da capital vai em busca do resultado para virar e conquistar mais um título. Os titulares devem ser os mesmos da derrota no Mangueirão, na semana passada, com Gustavo Ramos e Emerson Carioca no comando de ataque.

Provável escalação: Vinícius; Geovane, Kevem, Marcão e Rafael Jansen; Yuri, Djalma, Dedeco e Douglas Packer; Gustavo Ramos e Emerson Carioca. Técnico: Márcio Fernandes.

Independente

O Galo Elétrico também deve ir como o mesmo time que venceu o Remo na semana passada. Em comparação com o rival, a semana foi bem mais tranquila, mesmo sem voltar para casa, após a queda de uma ponte que liga a capital a outras regiões do estado. Precisando apenas de um empate para garantir o caneco, o técnico Charles Guerreiro pretende manter o nível de atuação das partidas anteriores, prevalecendo o sistema defensivo.

Provável escalação: Redson; Daelson, Charles, Dedé e Mocajuba; Jeferson Jarí, Chicão, Renatinho e Araújo; Joãozinho e Tiago Mandi. Técnico: Charles Guerreiro.

Retrospecto

Segundo o site Ogol, ao todo foram 23 jogos disputados entre as equipes com 12 vitórias do Remo, quatro empates e sete derrotas. Quando o mando é da equipe da capital, as coisas mudam de figura, já que o Leão venceu sete e empatou quatro vezes, ou seja, está invicto na disputa.

Ruan Silva

Sobre Ruan Silva

Ruan Silva já escreveu 838 posts nesse site..

Meu nome é Ruan Silva da Silva, tenho 24 anos, moro na cidade de Altamira no Pará. Sou graduado na área de Letras, com habilitação em Língua Portuguesa e no momento pós-graduando na área de Linguagem e Ensino, ambos pela Universidade Federal do Pará (UFPA). Sou deficiente físico, tenho dificuldades na questão da locomoção, que dificulta um pouquinho as coisas, mas nada que impeça de exercer diversas atividades. Sou apaixonado por todos os esportes, principalmente pelo futebol, corintiano e simpatizante de diversos clubes na Europa que não cabem todos aqui e apaixonado também pelo jornalismo esportivo tendo como ídolos, ícones como Galvão Bueno, Luciano do Valle, André Henning, Vitor Sérgio Rodrigues e outros mais. Uma curiosidade minha é que consegui na graduação em um ambiente voltado aos estudos de ensino e aprendizagem, incluir o futebol no principal trabalho dos quatro anos de curso, o TCC. Escrevi sobre Nelson Rodrigues e a Copa de 1950, temas raramente trabalhados numa graduação como essa. Enfim! Sonho em um dia trabalhar efetivamente na área que tanto amo e acredito que posso fazer um bom papel no meio.


 

Rivalo Apostas Esportivas
Ruan Silva
Ruan Silva
Meu nome é Ruan Silva da Silva, tenho 24 anos, moro na cidade de Altamira no Pará. Sou graduado na área de Letras, com habilitação em Língua Portuguesa e no momento pós-graduando na área de Linguagem e Ensino, ambos pela Universidade Federal do Pará (UFPA). Sou deficiente físico, tenho dificuldades na questão da locomoção, que dificulta um pouquinho as coisas, mas nada que impeça de exercer diversas atividades. Sou apaixonado por todos os esportes, principalmente pelo futebol, corintiano e simpatizante de diversos clubes na Europa que não cabem todos aqui e apaixonado também pelo jornalismo esportivo tendo como ídolos, ícones como Galvão Bueno, Luciano do Valle, André Henning, Vitor Sérgio Rodrigues e outros mais. Uma curiosidade minha é que consegui na graduação em um ambiente voltado aos estudos de ensino e aprendizagem, incluir o futebol no principal trabalho dos quatro anos de curso, o TCC. Escrevi sobre Nelson Rodrigues e a Copa de 1950, temas raramente trabalhados numa graduação como essa. Enfim! Sonho em um dia trabalhar efetivamente na área que tanto amo e acredito que posso fazer um bom papel no meio.

Artigos Relacionados

Topo